Category Archive : Beleza e Saúde

O que a massoterapia faz?

Dificilmente você irá recusar uma boa massagem, ou além que você conheça, não é mesmo? Depois daquele dia cansativo, quem não gostaria de uma boa massagem corporal? Além de promover descanso, a massoterapia promove regeneração corporal, mental, espiritual e até social!

A massoterapia é muito além de uma boa massagem

Os principais métodos utilizados por um profissional massoterapeuta envolvem a manipulação do corpo e ajuda no controle de dores diversas, melhorando a circulação e eliminando toxinas acumuladas. Para atletas, promove a melhora na flexibilidade corporal, aliviando tensões e reduzindo o estresse do dia.

Ela não é indicada para ser usada no tratamento de doenças como as patologias, porém, o massoterapeuta no Rio de Janeiro é um profissional de saúde da área do bem estar, entendendo também de processos biomecânicos, fisiológicos e anatômicos.

Massoterapia ou Massagem Tradicional

Apesar da massagem promover o relaxamento e o seu principal objetivo ser o de promover e tratar e estar ligado diretamente a área da saúde, beleza e estética, as pessoas confundem e procuram buscar estes profissionais para melhorar a sua aparência.

Esta é a principal diferença entre o profissional massoterapeuta, a distinção é justamente esta, o massagista tradicional não promove melhora na aparência, já o massoterapeuta promove melhora na aparência e no bem-estar do cliente/paciente.

O massoterapeuta utiliza uma série de técnicas diversas, que foram aprendidas ao longo dos seus diversos cursos, e é praticada de acordo com a necessidade do paciente. Já o massagista segue uma sequência de trabalho que é comum, ou seja, igual para todos os seus clientes.

Com o massoterapeuta, o cliente poderá ter resultados em sua estética, como por exemplo, através de técnicas de massagem modeladora, drenagem linfática, bambuterapia, pedras quentes, ou o uso de velas nas técnicas.

Mercado de trabalho para massagista tradicional

Com a ascensão de diversas classes de pessoas no Brasil, a procura por atividades ligadas à saúde e bem-estar aumentou muito. Antigamente, os profissionais massagistas eram autônomos, e com o aumento deste mercado, muitas empresas procuraram desenvolver espaços preparados para os profissionais atenderem seus clientes.

Se você optar por fazer um curso técnico de massagista comum, poderá procurar trabalhar em spas, empresas de saúde ou de forma autônoma, além de academias de ginástica, clubes de esporte e centros de reabilitação física.

Como é o mercado de trabalho na Massoterapia?

O mercado de trabalho para o profissional técnico em massoterapia é bem amplo, e pode fazer com que ele atue como CLT, MEI ou até como Pessoa Físico (Autônomo). Atualmente diversos locais comportam estes profissionais como por exemplo:

  • Institutos de Beleza;
  • Estética;
  • SPAs;
  • Academias;
  • Clubes;
  • Hotéis;
  • Empresas;
  • Centros Estéticos;
  • Espaços Holísticos;
  • Centros Esportivos.

Atualmente, além desta ampla rede de locais de atuação, existem diversas condições que estão demandando cada vez mais profissionais qualificados presentes. Atualmente a ISMA – Associação Internacional do Controle do Estresse, indicou o Brasil como o segundo maior país de pessoas estressadas.

A profissão de massoterapeuta atualmente é reconhecida pela Lei Federal Nº 3.968 de 05/10/1961.   

Posso ir empreender no Mercado de Massoterapia?

Sim, principalmente porque atualmente muitas empresas estão reconhecendo a necessidade de promover o bem estar de seus funcionários. Sendo assim, estão implementando iniciativas para melhorar o ambiente de trabalho e a qualidade de vida dos seus colaboradores. Sendo assim, estão precisando de massoterapeutas para parcerias nas seguintes áreas e possibilidades:

  • Estabelecimentos que vendem cosméticos ou produtos naturais, que promovem desconto parcial ou integral na compra de kits ou grandes volumes de produtos;
  • Promover iniciativas como o dia do relaxamento, relax day, promovendo e oferecendo desconto em pacotes de grandes quantidades de sessões;
  • Cartão Fidelidade, dando uma sessão gratuita dependendo do número de sessões já feitas.
  • Parceria com grandes empresas para promover o relax day;
  • Parcerias com centros de terapia holística ou spas.

Qual as habilidades do Técnico em Massoterapia?

Devido ao convívio direto com o profissional massoterapeuta, sua proximidade com o cliente é grande, sendo assim, é necessário que o profissional tenha algumas habilidades, cujas principais destacadas são:

  • Ter Boa Comunicação Verbal;
  • Ser Uma Pessoa Cordial;
  • Ser Responsável;
  • Ter Boa Disponibilidade;
  • Ser Organizado;
  • Possuir bastante conhecimentos e habilidades técnicas na área.

Sendo assim, se você preenche estas habilidades poderá se destacar na área e se tornar um profissional bem conceituado, requisitado e muito bem remunerado!

Por que é preciso usar protetor solar até em dias nublados? Descubra

Os bloqueadores solares devem ser utilizados, praticamente, o ano inteiro. Entenda quais são os riscos de deixar os cuidados de lado.

A saúde precisa de cuidados que vão além da rotina de exercícios físicos e regulação da dieta alimentar. Existem alguns pontos que precisam ser observados e merecem atenção constante para prevenir diversos problemas que podem aparecer com o tempo. O protetor solar é um item indispensável para o uso no dia a dia, principalmente para aqueles que passam boa parte do tempo expostos ao sol.

Embora seu uso seja frequente durante as férias na praia, a verdade é que o bloqueador solar não deve ser um ingrediente esporádico. A pele fica suscetível aos efeitos da radiação do sol quase todos os dias. Seja no trânsito, na escola, no trabalho, em passeios pelo comércio da cidade ou em momentos de lazer com a família, é preciso tomar certos cuidados para evitar que problemas ocorram no futuro.

Protetor solar deve ser usado mesmo em dias inverno

Pesquisas recentes apontam que mais de 60% da população brasileira deixa de lado o protetor solar. Principalmente em dias chuvosos ou épocas mais frias como as estações outono e inverno, o produto se torna um acessório quase esquecido dentro de casa.

O problema é que os raios do sol atingem a pele mesmo quando o cidadão não tem a sensação nítida de que isso acontece. Com o passar dos anos, problemas relacionados à saúde podem surgir; tais como:

– Rugas;

– Pintas;

– Alergias e irritações de pele;

– Feridas;

– Queimaduras leves;

– Queimaduras graves;

– Tumores benignos;

– Tumores malignos (câncer de pele);

– Envelhecimento precoce.

Mais de 170 mil novos diagnósticos de câncer de pele devem surgir

Segundo dados do Instituto Nacional de Câncer (Inca), a estimativa é de que quase 177 mil novos casos de câncer de pele sejam diagnosticados ainda em 2022. A ocorrência da doença fica bem dividida entre homens e mulheres, com um pouco mais de prevalência em pessoas do sexo feminino.

Um dos principais fatores que causam o aparecimento do câncer de pele está na exposição aos raios ultravioletas do sol. Neste sentido, o protetor solar é uma arma eficiente no combate ao mal.

O que ocorre é que as queimaduras na pele acabam destruindo as estruturas celulares e isso faz com que novas células sejam geradas pelo corpo. Nesse processo de recomposição dos tecidos, podem aparecer unidades defeituosas, as quais dão início a um crescimento descontrolado e prejudicial para o corpo, formando o temido câncer de pele.

A saída, segundo os especialistas, concentra-se em evitar exposição à luz solar entre 12h e 15h e utilizar protetor solar diariamente, mesmo em dias nublados ou épocas de baixas temperaturas.

Atualmente, existem alternativas de produtos que contam com tecnologia avançada, capaz de favorecer a pele e contribuir para melhorar a aparência estética e a própria vitalidade do órgão. Inclusive, as crianças devem sempre utilizar os bloqueadores para evitar qualquer dano durante o seu desenvolvimento.

Pedra de âmbar: história, espécies, efeitos e propriedades

O âmbar é muitas vezes referido como um talismã de beleza e às vezes é chamado de luz solar congelada devido à sua cor. No entanto, não é nem uma pedra no verdadeiro sentido da palavra, na verdade é uma resina fossilizada.

Devido à sua aparência, que lembra uma verdadeira pedra preciosa, o âmbar também é vendido e usado como pedra preciosa. Além disso, também é usado para fazer essências perfumadas, pois possui um aroma próprio e inimitável.

Você sabia que o âmbar queimado cheira a pinho e que produz uma quantidade relativamente grande de eletricidade quando esfregado com um pano?

Não é à toa que é uma pedra muito popular (mesmo que não seja realmente uma pedra), pois possui grandes propriedades metafísicas. Pode aliviar o estresse, aliviar o medo e a ansiedade, proteger o bem-estar mental e aliviar as febres.

Tem uma estrutura chamada amorfa (ou seja, sem forma) de outras pedras preciosas. Isso pode ser visto principalmente ao microscópio, onde as gemas clássicas costumam se destacar em uma estrutura cristalina regular.

O âmbar, por outro lado, é caracterizado pelo fato de ser feito de matéria orgânica e ser surpreendentemente leve – não pode afundar em um copo de água salgada, mas flutua na superfície.

História e espécies do âmbar

As “jovens” pedras de âmbar têm mais de 100.000 anos, mas as peças mais valiosas são muito mais antigas. Realmente leva muito tempo para a resina da árvore se tornar uma bela “pedra” amarela.

Desde os tempos antigos, pessoas importantes foram enterradas com âmbar. Arqueólogos encontraram pedras em forma de âmbar em túmulos em todo o mundo que datam de 2000 aC. Várias peças foram encontradas na tumba de Tutancâmon no antigo Egito.

Os mais populares são aqueles que possuem cores quentes, como amarelo, laranja e ensolarado. Mas também há aqueles sendo azuis, vermelhos ou verdes. Há uma grande fonte de âmbar azul altamente valorizado na República Dominicana.

Existem também fontes significativas de âmbar de qualidade nos países bálticos do norte da Europa, como a Lituânia, onde o famoso museu do âmbar está localizado na cidade de Palanga. Suas fontes também estão localizadas na Grã-Bretanha, Polônia, Rússia e também na Alemanha.

Os efeitos e propriedades do âmbar

Como já comentamos, os efeitos e propriedades do âmbar para a saúde eram conhecidos há vários milhares de anos. As pessoas realmente acreditavam que isso poderia ajudar a tratar muitas condições adversas.

Acreditava-se que as joias de âmbar ajudavam a minimizar a dor no pescoço, na cabeça e na laringe, mas também a dor causada por artrite ou reumatismo. Alguns usavam colar ambar porque acreditavam ajudar a reparar a função da tireoide.

O âmbar ajuda a limpar e equilibrar as emoções, acalma e limpa a mente, libera energia negativa e ajuda a superar a ansiedade e a fadiga. Esses efeitos devem ser causados ​​pelo ácido succínico benéfico, que contém 3-8% de âmbar verdadeiro do Mar Báltico.

Para sua liberação, porém, é necessário que seja diretamente sobre a pele nua em qualquer parte do corpo, onde seja liberado em contato com o calor e a umidade da pele.

Serviços de estética mais procurados

Por exemplo, serviços de saúde e bem-estar, como serviços de beleza, nunca foram tão altos. Há um foco crescente em não adoecer e melhorar a qualidade de vida.

Dessa forma, o mercado de beleza que inclui múltiplos procedimentos relacionados à saúde está crescendo, principalmente no Brasil.

Se você já trabalhou ou cogitou iniciar um negócio dentro da área da estética, saiba que o cenário é altamente favorável e trará diversos bons resultados.

Veja este artigo sobre os serviços de beleza que são os mais procurados e as principais tendências nos seguintes anos. Se você deseja aprender mais sobre a área, indicamos que você faça um Curso de maquiagem online com o objetivo de aperfeiçoar os seus conhecimentos.

Departamento de Cosmetologia e Estética do Brasil

O mercado de serviços de beleza no Brasil é um dos que mais cresce no mundo, depois dos Estados Unidos e da China.

Levantamento da ABIHPEC traz diversos dados que mostram que o setor passou por um “boom” nos últimos anos:

  • O mercado de beleza cresceu 567% de 2015 a 2020;
  • O número de profissionais da região saltou de 72.000 para 480.000;
  • O Brasil é o quarto maior mercado de produtos de higiene pessoal, fragrâncias e cosméticos segundo as pesquisas do Curso de maquiagem online, da plataforma Certificado Cursos Online;
  • No negócio de franquias, o segmento de estética gerou mais de R$ 34,2 bilhões em receita em 2019;

Para quem atua nesse mercado ou pensa em abrir um negócio, esses números mostram um quadro animador, afinal, serviços e procedimentos de beleza têm um grande potencial de consumo. Aqui estão as áreas mais rentáveis ​​da estética.

Quais áreas da estética são as mais rentáveis?

O mercado de beleza é um dos únicos mercados no Brasil que atualmente não são afetados pela crise, tudo porque as pessoas estão economizando em várias áreas, mas veem a higiene pessoal como sendo uma das necessidades que não se deve abrir mão.

Até agora, o mercado de serviços de beleza está extremamente aquecido, mas quais são as áreas mais rentáveis?

Mostraremos para você:

  • Nichos específicos:

Cada vez mais profissionais especializados em áreas específicas, como aqueles com cabelos cacheados e crespos ou em diferentes tipos de coloração, estão ganhando força.

Os salões especializados em serviços capilares, como transições capilares, programas capilares e de restauração de cabelos danificados, cresceram consideravelmente nos últimos anos.

  • Barbearia e Grooming Masculino:

As barbearias que operam no estilo “espaço gourmet” estão em alta. Essas instalações estão se tornando mais modernas e ornamentadas, atraindo cada vez mais públicos.

Além disso, os homens estão mais preocupados com sua beleza, então procedimentos de beleza como sobrancelhas esculpidas, depilação, clareamento dos dentes e maquiagem final são todos bem sucedidos.

  • Procedimento não invasivo:

Os procedimentos estéticos não cirúrgicos estão em grandes tendências dentro do mercado atualmente.

Os procedimentos são realizados externamente sem a anestesia, incisões e outros procedimentos que são mais invasivos.

Alguns procedimentos incluem: Botox, preenchimento de linhas de expressão , preenchimentos de lábios e tratamentos a laser.

Serviços de beleza mais procurados: confira a lista de 12 programas do mercado

À medida que o mercado de saúde, beleza e bem-estar aquece, os clientes estão em alta demanda por certos tipos de procedimentos de beleza. Confira a lista dos 10 serviços de beleza mais procurados abaixo:

  1. Harmonização Facial:

A Harmonização Facial vem sendo um procedimento que vem atraindo homens e mulheres que desejam conquistar uma melhoria dentro da aparência do rosto e consiste em um conjunto de procedimentos estéticos.

Eles são projetados para melhorar o equilíbrio entre certas áreas do rosto, como nariz, mandíbula e dentes, tornando-os mais harmoniosos. Nos últimos anos, ganhou fama à medida que mais e mais celebridades o executam.

  1. Botox:

Botox é um dos procedimentos cosméticos mais conhecidos entre os pacientes.

Nele, a toxina botulínica é injetada em partes específicas do rosto. Por exemplo, a substância entorpece os músculos faciais e previne a formação de linhas finas e rugas na testa.

A aplicação de toxina botulínica costuma apresentar diversos resultados satisfatórios, mas o efeito é temporário e requer aplicação repetida.

  1. Preenchimento Facial:

Os preenchedores faciais são desenvolvidos para preencher sulcos e depressões em diferentes áreas do rosto, harmonizando proporções e contornos. Com ele, os efeitos de olheiras, barba chinesa e maçãs do rosto podem ser reduzidos sem cirurgia.

  1. Bichectomia:

A bichectomia é um procedimento para retirar o excesso de gordura da bola de Bichat localizada na parte interna da bochecha para reduzir o volume da bochecha mais proeminente.

A finalidade do procedimento é deixar o rosto mais fino e claro. Ele é um dos tratamentos faciais mais procurados nos últimos anos, não só por motivos estéticos, mas também por motivos de saúde, pois a excisão pode reduzir a incidência de mordidas dentro da boca.

  1. Preenchimento labial:

Procedimento popular devido às celebridades e considerado muito seguro, o Preenchimento Labial tem o objetivo de promover o aumento ou o resgate do volume labial.

Esse procedimento é realizado pelo ácido hialurônico e tem a função estética de trazer mais harmonia e beleza ao rosto.

  1. Skinbooster:

A aplicação do Skinbooster vem sendo um dos procedimentos de beleza mais procurados nos dias de hoje. Promove a hidratação profunda do rosto e é bom para o rejuvenescimento.

Materiais que melhoram a aparência da pele também podem estimular a produção de colágeno, tornando-a mais firme e radiante.

  1. Peeling químico:

O peeling químico é um tratamento cosmético que aplica ácidos na pele para ajudar a remover as camadas danificadas que será por meio da esfoliação e promover o crescimento de camadas lisas, mais elásticas por meio da renovação celular.

Diz-se que renova a pele, combate a oleosidade e remove manchas. Todos os produtos utilizados devem ser adequados ao tipo de pele e à frequência do seu tratamento.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Certificado Cursos Online, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre cursos, educação e diversos segmentos.

Maquiagem leve para casamento: dicas incríveis para encantar

Uma maquiagem leve para casamento precisa ser bem elaborada para que o resultado seja incrível. Seja a noiva, madrinha ou convidada, essa é uma questão muito frequente nos salões de beleza, clínica de estética e especialistas em make-up.

De toda forma, a união de um casal sem dúvidas é um momento muito especial. Por isso, pede uma produção maravilhosa a todos os envolvidos na celebração. 

As opções de maquiagens leves caem bem em qualquer tipo de cerimônia. Seja durante o dia ou à noite, na praia, campo ou em um clube, a make-up deixa os rostos lindos sem pesar na produção. 

Veja dicas de maquiagem leve para casamento e encante nas próximas cerimônias!

Quando usar uma maquiagem leve para casamento?

Optar pela maquiagem leve para um casamento é uma grande forma de nada sair errado nessa ocasião tão planejada. Principalmente se ela for na noiva, familiares ou madrinhas. 

Por estar muito presente no cotidiano feminino, a maquiagem precisa estar de acordo com cada situação. No casamento, o estilo deve acompanhar o horário e local da cerimônia. 

Estes fatores são importantes. Porque os produtos são escolhidos de acordo com o evento. E a maquiagem leve combina bastante com casamentos durante o dia e em local aberto, por exemplo. 

Como os dias costumam ser calorosos e com muito sol no Brasil, a maquiagem leve para casamento costuma ser uma grande aposta. 

Maquiagem Nude

Uma opção coringa de maquiagem leve para casamento é a make nude. E o melhor de tudo é que ela não precisa ser monocromática. 

A make nude é conhecida como a mais neutra. Mas nem por isso ela precisa ser básica e sem graça. 

E para o casamento, ela se torna uma boa opção se for bem preparada, sendo leve e muito elegante. 

E algumas dicas são ideais para fazer a maquiagem nude. As principais são:

Capriche na pele: a preparação da pele com técnicas de contorno e de iluminação deixam a make com um destaque incrível;.

Varie os tons: aqui as cores variantes podem ser trabalhadas para não deixar o resultado monocromático;

Pontos de destaque: valorize algumas partes do rosto, como cílios bem marcados, olhar esfumado e contorno labial;

Defina o nude ideal: é importante identificar os tons que harmonizam com as características do rosto, como cor dos olhos, dos cabelos, etc. 

Maquiagem leve para casamento de dia

A maquiagem leve para casamentos realizados durante o dia combinam com este turno, por não serem muito carregadas.

Além do fator clima, que pode comprometer a maquiagem, produtos de longa duração contribuem para manter a make. 

Por isso, use uma base com efeito matte e máscaras de cílios que sejam à prova d’água. Ambos evitam o excesso de oleosidade na pele e o desbotamento da maquiagem. 

Maquiagem para casamento à tarde: como fazer

Se o casamento for à tarde, a tendência é equilibrar a maquiagem com o seu estilo e personalidade. 

Então a produção deve ser leve e harmoniosa. E você pode escolher diversos estilos de maquiagem leve, indo do básico e simples até as mais elaboradas.

Para um resultado mais clean, aposte em produtos com toque iluminado, como tons em bronze na sombra e iluminador em pontos específicos do rosto.

Caso deseje uma make mais elaborada, pode usar cores rosé gold, marrom ou mesmo nude, com toque esfumado no olhar.  

Em ambos os casos, a escolha de produtos de longa duração. Porque eles contribuem para que a maquiagem dure por toda a cerimônia. 

É possível usar maquiagem leve para casamento à noite?

Muitas pessoas têm dúvidas se é possível usar maquiagem leve para um casamento à noite. E sim, é possível!

Mesmo que o evento a noite permita mais glamour. A dica para as noivas, madrinhas e convidadas é usar maquiagens que valorizam os olhos e também os lábios.

Um belo delineado, cores metálicas e vivas, sombras mais escuras e aplicação de cílios postiços combinam com a maquiagem leve para casamento. 

O equilíbrio entre os pontos leves e de destaque contribuem para que a make fique bem elegante e poderosa.

É muito importante que o seu estilo e personalidade sejam considerados para a escolha da make-up. Além do horário e local do evento.

Maquiagem leve para casamento civil

Nos casos de casamento civil, que é realizado em cartório, uma produção mais simples e com maquiagem leve são o grande segredo. 

Básica e sem exageros, a maquiagem leve pode ser usada por noivas, madrinhas e convidadas. Para essa ocasião, evite muito brilho, cores fortes ou olhos muito marcados.

Na pele, escolha uma base com cobertura leve que garante um efeito mais delicado e natural. Tons neutros e básicos, como o bege, grafite ou marrom, são ideais para os olhos. 

Por fim, nos lábios um simples gloss ou batom nude podem ser aplicados, para um resultado elegante. 

O que considerar para ter uma maquiagem leve para casamento e se destacar

Alguns pontos devem ser considerados na hora de escolher a maquiagem leve para casamento. O estilo de make mais natural se tornou uma grande tendência. 

E algumas dicas bem legais ajudam na produção e um resultado mais lindo e duradouro. Acompanhe abaixo. 

Pele preparada

A regra é clara. A preparação da pele é o primeiro passo para qualquer maquiagem. Por isso, lave bem o rosto, com sabonete indicado para o seu tipo de pele.

Depois aplique  água micelar para remover as impurezas. Finalize a preparação com creme hidratante. Esse último passo ajuda a pele a não ficar oleosa, contribuindo no efeito duradouro da make. 

Não esqueça o primer

O primer tem grande poder e não deve ser subestimado! Você pode não ter o costume de usar o produto, mas acredite: ele opera milagres.

Entre eles estão: 

  • disfarçar os poros abertos;
  • reduzir o brilho da pele;
  • suavizar linhas de expressão;
  • fazer a maquiagem durar por mais tempo.

Não hesite em investir em um primer para resultados mais incríveis nas maquiagens leves ou mais elaboradas. 

Cobertura leve 

A maquiagem leve e natural.pede o uso da base de cobertura leve. E essa escolha tem seus fatores  a serem considerados, como:

  • qual o tipo de pele;
  • qual o acabamento desejado;
  • quanto se quer gastar. 

Mas se você não gosta de base, pode usar outros produtos, como filtro solar com cor, BB Cream ou corretivo.

Boca discreta 

Apesar de o batom ser um fator de atenção na maquiagem, a produção leve pode acrescentar uma boca mais discreta. 

Um look mais natural, substitui o batom por um lip balm (protetor labial) com ou sem cor. Um gloss também costuma ser muito usado. 

Conclusão

Elegante e discreta, a maquiagem leve para casamento segue diferentes estilos de pessoas e eventos. Por isso, a escolha deve seguir diversos fatores.  Como os que foram elencados neste artigo. 

Independente do estilo, ela contribui para que o resultado seja uma produção incrível e linda, que seja registrada nesta ocasião tão especial. 

Quando usar ácido hialurônico?

De repente você notou uma aparição inesperada de linhas finas e rugas depois de olhar para seu rosto durante uma reunião de vídeo chamada no Zoom, nós entendemos o que você está passando, por isso estamos aqui para lhe oferecer uma solução fácil e indolor para manter sua harmonização facial, conheça o ácido hialurônico.

Embora não esteja claro se todos envelhecemos rapidamente nos últimos dois anos, definitivamente olhamos muito mais para nossos próprios rostos e o de nossos familiares desde que ficamos confinados em nossas casas e presos em um ciclo interminável de videochamadas.

Felizmente, nunca houve um momento melhor para incorporar um impulso hidratante em sua rotina com um soro hialurônico super-hidratante e de combate às linhas finas.

Hoje nós vamos conversar um pouco sobre quando usar o ácido hialurônico, então fique conosco!

O que é o ácido hialurônico?

O ácido hialurônico é um umectante que é usado em produtos de cuidados pessoais. Os umectantes funcionam muito bem como um mecanismo para hidratar a pele, para que você possa colocar altos níveis em sua rotina de cuidados com a pele.

Os umectantes são ótimos para hidratação em geral, mas o ácido hialurônico é especial porque é algo que já está na pele.

E de acordo com um relatório publicado pela Dermato Endocrinology , “o envelhecimento da pele também está associado à perda de umidade da pele. A molécula chave envolvida na hidratação da pele é o hialuronano ou ácido hialurônico (HA), um glicosaminoglicano (GAG) com uma capacidade única de ligar e reter moléculas de água.”

E, portanto, ter ácido hialurônico nos cuidados com a pele é realmente benéfico porque está repondo algo natural em sua pele e está crescendo em popularidade a cada ano, à medida que mais consumidores estão se conscientizando de seus benefícios e mais marcas podem incluí-lo em seus produtos.

O que o ácido hialurônico faz?

O ácido hialurônico é uma substância que atrai e puxa a umidade, mesmo do ar. Portanto, se você estiver em um ambiente de alta umidade, ele atrairá a umidade de lá e, às vezes, também puxará a umidade das camadas mais profundas da pele.

Isso é tão bem apreciado pela indústria cosmética porque a maior causa do envelhecimento e do aparecimento de rugas na pele é pela falta de umidade na mesma.

Como o ácido hialurônico age na sua pele?

Já em sua essência, o ácido hialurônico absorve a umidade e a mantém na pele para hidratá-la. Dá à pele uma aparência mais revigorada e preenchida.

As moléculas de ácido hialurônico vêm em vários tamanhos. As moléculas maiores de HA, apesar de serem as melhores em ligar a água e oferecer hidratação, não podem penetrar na pele. Quando aplicadas topicamente (na pele), essas moléculas ficam em cima da pele, oferecendo hidratação apenas na superfície. Moléculas menores de HA, que ligam menos água do que moléculas maiores de HA, podem penetrar mais profundamente na pele (embora apenas na epiderme, a camada superior da pele). Para máxima hidratação da superfície, procure um produto que contenha moléculas de HA em vários tamanhos.

Como usar o soro de ácido hialurônico?

Agora vamos lhe ensinar passo a passo como utilizar o soro de ácido hialurônico para manter uma boa harmonização facial e manter uma pele com aspecto jovem e saudável por mais tempo. Vamos ao passo a passo: 

Passo 1: Lave o rosto com o seu sabonete favorito .

Passo 2: Aplique um toner ou névoa facial e NÃO SEQUE. Se você preferir não usar um toner, borrife seu rosto com um pouco de água.

Etapa 3: aplique suavemente o soro HA no rosto DAMP (mais sobre isso abaixo).

Etapa 4: aplique seu hidratante para ajudar a selar a umidade, mas também para fornecer umidade para o HA absorver.

Passo 5 : Siga com o creme para os olhos de sua preferência .

Passo 6: Aplique um protetor solar e deixe secar.

Passo 7: Você está pronto para começar a aplicar sua maquiagem.

A coisa mais importante a lembrar neste processo é que o ácido hialurônico deve ser aplicado na pele úmida, nunca aplique o mesmo com a pele seca, pois assim não terá máxima eficiência.

Também, caso aplique com o rosto seco, poderia realmente ter o efeito inverso. Lembre-se de que o HA é um ímã para a umidade e, se sua pele estiver seca, ele absorverá qualquer umidade que encontrar nas camadas mais profundas da pele para hidratar a superfície.

Se o HA entrar em contato com a água primeiro, isso não acontecerá.

Em vez disso, você ficará com uma pele hidratada, suavizada e preenchida!

Quando usar ácido hialurônico?

A recomendação é que se faça uso do mesmo diariamente, podendo ser passando tanto de manhã (para dar umidade adicional ao longo do dia), quanto à noite (para repor a umidade perdida durante o dia). Isso tornará sua pele muito mais jovem e suave!

Tipos de exames que utilizam radiação

O uso da radiação na medicina nuclear proporcionou grandes avanços para diagnosticar e tratar uma série de doenças. Um dos maiores destaques é para os pacientes com câncer, que agora tem chances verdadeiras de remissão e até cura da doença.

No entanto, este assunto ainda desperta diversas dúvidas, caso queira saber mais sobre essa e outras aplicações da radiologia no campo da saúde, basta continuar a leitura!

Uso da radiação na medicina

Antes de entrarmos no assunto sobre a radiação em si, seria bom entender mais sobre o seu conceito amplo. De modo geral, a radiação surge quando uma fonte emite energia, ao se propagar pelo espaço e é capaz de penetrar em materiais.

As radiações são ondas eletromagnéticas ou partículas e, dessa forma, possuem carga elétrica e magnética. Elas podem ser tanto naturais, quanto criadas através de dispositivos.

No dia a dia, é comum se deparar com as ondas eletromagnéticas, que são emitidas por:

  • Luz;
  • Ondas de rádio;
  • Micro-ondas;
  • Raio X;
  • Radiação gama;
  • Entre outros.

Ao passo que, as radiações alfa, beta, feixes de prótons e elétrons são alguns dos exemplos de radiações em formato de partículas. Durante as últimas décadas, muitas pessoas passaram a temer as fontes de radiação, em decorrência do acidente nuclear de Chernobyl e a exposição ao Césio 137, em Goiânia.

Esses acidentes foram causados após a liberação de elementos radioativos sem medidas para controlá-los. O que levou à maior exposição das pessoas, ocasionando em deformações e mortes.

Mas, não há como negar que a radiação gerou muitas contribuições para o diagnóstico e tratamentos de doenças. O que se deve fazer é usar de modo controlado as radiações, com o objetivo de fornecer benefícios à saúde das pessoas, não o contrário.

Princípios básicos da medicina nuclear

Mas o que a radiação tem a ver com a medicina nuclear? Bem, em linhas gerais, a medicina nuclear faz uso de materiais radioativos para diagnosticar doenças e tratar os pacientes.

Através de substâncias com pouquíssimas quantidades de radiação, chamadas de radiofármacos, essa especialidade oferece suporte a várias outras áreas, como:

  • Cardiologia;
  • Hematologia;
  • Neurologia;
  • Entre outras áreas.

Apesar da radiografia e medicina nuclear fazerem parte do mesmo campo, que é a radiologia, ambos possuem princípios diferentes. Isto é, o foco central da radiografia são as características anatômicas, enquanto a medicina nuclear foca nos órgãos e sistemas e como funcionam.

Um de seus usos mais populares é para detalhamento do câncer, assim pode-se determinar qual é o tipo e extensão de tumores. Com base nesses dados, os profissionais poderão tomar decisões mais assertivas a respeito do melhor tratamento e para aliviar os sintomas.

A medicina nuclear também pode diagnosticar outras doenças, como:

  • Embolia pulmonar;
  • Infecções agudas;
  • Infarto do miocárdio.

Além disso, existem alguns radiofármacos que são úteis para combater dores nos ossos, hipertireoidismo ou para tratar o câncer na tireoide.

 

Quais são os tipos de radiações usados pela medicina nuclear?

Há radiações de diferentes tipos e, uma das classificações principais separa elas em ionizantes e não ionizantes. As não ionizantes contam com um menor nível de energia, assim apresentam menos riscos.

Fontes de radiação não ionizantes são as já citadas, como luz, micro-ondas, calor e das ondas de rádio. Ao passo que, as radiações ionizantes são originárias nos núcleos dos átomos e possuem uma grande quantia de energia.

Elas podem provocar a perda de elétrons e alterar o estado físico dos átomos, em um processo chamado de ionização. Um bom exemplo de radiação ionizante são os famosos raios X.

A medicina nuclear faz uso das radiações alfa, beta e gama. Veja logo abaixo um pouco mais sobre cada uma delas.

Partícula Beta

Essa é a partícula correspondente do elétron que o núcleo de um átomo instável emite. Por sua vez, o elétron é uma das partículas que integram o átomo e possui uma carga elétrica negativa.

As beta contam com grande velocidade (cerca de 270.000 km/s), porém, sua capacidade de penetrar no tecido humano é de cerca de 1 cm. Ou seja, essa partícula poderá causar danos superficiais à pele, só não aos órgãos, caso não seja ingerida ou aspirada pelo paciente.

Partícula Alfa

Alfa se forma a partir de duas partículas subatômicas positivas (prótons) e duas neutras (nêutrons). Sua massa e carga elétrica são maiores que as partículas beta, contido alcança uma velocidade menor, por volta de 20.000 km/s.

Sendo assim, sua capacidade para penetrar é baixa, não chega a ultrapassar a camada externa de células mortas acima da pele.

Radiação Gama

Após emitir uma partícula alfa ou beta, o núcleo instável de um átomo produz ondas eletromagnéticas que integram a radiação gama. Da mesma forma que os raios X, os raios gama possuem alta velocidade, podendo chegar a 300.000 km/s.

Logo, apresentam maior poder de penetração em diferentes materiais, o que inclui o corpo humano também.

Benefícios do uso da radiação na medicina

Desde que os profissionais descobriram a utilidade das radiações ionizantes, é possível obter imagens internas do organismo, sem precisar fazer uma cirurgia exploratória.

O que pôde preservar uma série de vidas ao longo de todos esses anos, já que os riscos de uma operação são maiores do que os de testes radiológicos. Monitorar e tratar as doenças de um jeito menos invasivo são outras das vantagens da radiação na área médica.

Riscos do uso da radiação na medicina

Quando a exposição é baixa, não há efeitos colaterais graves da radiação. O que pôde haver é uma leve alergia ou pequena vermelhidão na área exposta aos rádios e partículas.

No entanto, o lado negativo é que existe um efeito cumulativo. O que significa que, ao passar por vários períodos de exposição, a radiação poderá mudar o DNA das células, o que aumenta os riscos de desenvolver certas doenças, como o câncer.

Esses riscos levaram algumas instituições, como a OMS e o Ministério da Saúde, a alertar as pessoas sobre os perigos. No entanto, na maioria das vezes, é melhor fazer exames e tratamentos com radiação ao invés de outros procedimentos.

Veja logo abaixo quais são os tipos de exames mais comuns nesse campo:

  • Radiografia de raio X;
  • Mamografia.
  • Tomografia computadorizada;
  • Cintilografia;
  • Ressonância magnética nuclear.

Conclusão

Como você pôde ver, a radiação e medicina nuclear são importantes para diagnosticar e tratar doenças. Gostou do conteúdo? Não esqueça de compartilhar com os amigos e conferir outros posts em nosso blog!

5 dicas para você que tem dificuldade para dormir

Dificuldade para dormir quase pode ser considerada uma doença pública hoje. É perfeitamente normal ter dificuldade para dormir em qualquer noite, às vezes.

No entanto, se os problemas forem recorrentes e afetarem sua saúde e sua vida cotidiana, pode ser útil revisar o que você pode fazer para melhorar seu sono.

Neste artigo, examinaremos mais de perto algumas áreas relacionadas aos problemas de sono predominantes e você obterá dicas para dormir melhor.

1. Evite cafeína e açúcar

A cafeína e o açúcar são estimulantes que podem interferir no sono. Isso também se aplica a você que acha fácil adormecer, mas pode acordar à noite ou mais cedo do que o desejado pela manhã.

2. Use óleos essenciais

O uso dos oleos essenciais como o de lavanda ou camomila que possuem efeito relaxante, ajudam a atingir um estado de relaxamento mais profundo, auxiliando você a dormir bem mais rápido.

Com o uso de um difusor, fica muito mais fácil utilizar dos benefícios da aromaterapia para melhorar não só a saúde do sono, mas também reduzir o estresse do dia a dia, aumentando o bem-estar.

3. Mova-se e fique do lado de fora

O corpo precisa sentir a diferença entre o dia e a noite. Durante o dia, você deve ser ativo, móvel e vir à luz do dia, enquanto à noite você relaxa antes do descanso da noite.

4. Coma uma dieta balanceada

Comida de verdade sem índice, comida que você cozinha com ingredientes e não produtos semi-acabados ou acabados. Evite alimentos refinados, açúcar, farinha branca, etc. Atenha-se a uma dieta equilibrada de bons ingredientes.

5. Temperatura correta

Certifique-se de que está frio o suficiente no quarto, entre 14 e 18 graus é recomendado para uma melhor qualidade de sono. Se você se incomoda com o barulho, pode tentar dormir com tampões de ouvido.

Para alguns, funciona bem com uma máscara sobre os olhos para bloquear a luz indesejada. Pessoalmente, periodicamente só consegui dormir com tampões de ouvido e uma máscara sobre os olhos, até que voltei a uma boa rotina de sono.

Por que o sono é importante?

O sono é muito importante para nossa saúde geral e tem um efeito profundo e benéfico tanto no corpo quanto na psique.

É durante as horas de sono que tanto o corpo quanto o cérebro tem uma chance adequada de se recuperar.

As células do cérebro estão cheias de energia, o que é necessário para termos energia suficiente durante o tempo de vigília.

Durante as horas de sono, nossas impressões são processadas e as memórias são armazenadas.

Além disso, hormônios importantes são formados e o sistema imunológico do corpo é ativado, o que reduz o risco de contrair doenças.

Se você dormir bem durante a noite, também achará mais fácil lidar com o estresse e a tensão durante o dia.

Onde está o limite para problemas de sono?

Pode ser difícil saber se você está dormindo o suficiente e para onde realmente vai o limite quando é uma boa ideia procurar atendimento para seus problemas de sono?

Quantas horas de sono você precisa?

Um adulto precisa dormir entre sete e nove horas por noite, porém, a necessidade individual de sono pode ser diferente.

Algumas pessoas simplesmente se acostumam a dormir menos horas, mas é importante distinguir entre como você experimenta seu nível de energia e quanto tempo o cérebro precisa para se recuperar.

Para que o cérebro tenha tempo para se recuperar e realizar todos os processos que precisa realizar, o sono deve ser de cerca de 8 horas e estar localizado à noite, por exemplo, entre 22h00-06h00.

Quantas horas de sono precisamos também depende da eficácia do sono, ou seja, quantas horas de sono profundo temos por noite.

O tempo médio de sono de um adulto é de sete horas por noite.

A necessidade do número de horas de sono para funcionar muda ao longo da vida.

Crianças e adolescentes geralmente precisam de mais sono. O importante é que você durma o necessário para funcionar e se sentir bem.

Se você se sente em forma e funciona bem durante o dia, é um sinal confiável de que está dormindo o suficiente durante a noite.

Paralisia Supranuclear Progressiva: uma visão geral da doença

A Paralisia Supranuclear Progressiva é uma doença rara com sérias complicações neurológicas. A maior incidência de casos acontece em idosos e exige muita experiência da equipe médica para a realização de um diagnóstico preciso.

Por ter efeitos complexos e que comprometem a qualidade de vida dos pacientes, há muitos estudos sobre o tema. Inclusive, recentemente, descobriu-se que o uso do Canabidiol (CDB) pode ajudar a controlar os sintomas.

Essa descoberta vem chamando a atenção da comunidade científica e de médicos que estão investindo cada vez mais em cursos de Cannabis Medicinal para aprofundar seus conhecimentos e entender como escolher o melhor protocolo terapêutico aos seus pacientes.

Apesar de tudo isso, a doença ainda é pouco conhecida e essa falta de informação gera insegurança e dúvidas em diagnosticados, familiares e profissionais da saúde. Este post traz uma visão geral da enfermidade e esclarece pontos importantes. Acompanhe!

O que é Paralisia Supranuclear Progressiva

A Paralisia Supranuclear Progressiva (PSP) é uma doença cerebral incomum que causa a degeneração das células de regiões específicas do cérebro que controlam nossa capacidade de movimento, coordenação motora, pensamento e outras funções importantes. 

Para entendermos bem como funciona a doença, é interessante aprofundarmos em alguns conceitos:

  • Paralisia — distúrbio causa a fraqueza e paralisia muscular;
  • Supranuclear— faz referência a região do cérebro que é afetada: localizada acima de 2 pequenas áreas chamadas de núcleos.
  • Progressiva — sintomas pioram ao longo do tempo.

A PSP é mais frequente em homens do que mulheres e, na maior parte dos casos, atinge pessoas com idade entre 60 e 80 anos.

 

PSP x Parkinson

É importante mencionar que a Paralisia Supranuclear Progressiva é uma doença rara e pode ser confundida com a Doença de Parkinson — uma condição mais comum e com sintomas parecidos.

Entretanto, na PSP os pacientes têm uma dificuldade muito maior para falar e engolir alimentos. Além disso, eles têm problemas para olhar para baixo e, ao contrário dos portadores de Parkinson, são mais propensos a se desequilibrar e cair para trás. 

Doença não é fatal, mas o agravamento dos sintomas pode levar ao óbito

A Paralisia Supranuclear Progressiva não é uma doença fatal. Apesar disso, o quadro sintomático é progressivo e não podem ser curados. É esse cenário que complica a situação do paciente e aumenta seu risco de morte.

Com isso, é comum o falecimento em decorrência de complicações resultantes desse agravamento, como pneumonia provocada pela aspiração de alimentos durante engasgos — uma vez que há uma clara e séria dificuldade para engolir.

Qual a causa desse distúrbio cerebral

A comunidade científica já evoluiu bastante nos estudos sobre a doença e conseguiu entender como ela se manifesta e evolui ao longo dos anos. Entretanto, não há causas claras para o seu surgimento.

Em outras palavras, sabemos que a PSP ocorre em razão de danos a células de uma região do cérebro, mas não conseguimos definir como e por que isso acontece.

Quais os sintomas da Paralisia Supranuclear Progressiva

Em geral, os sintomas da Paralisia Supranuclear Progressiva surgem de forma sutil e, apenas com o tempo, começam a se tornar perceptíveis e graves. Esse é um dos fatores que prejudicam um diagnóstico precoce.

Na maioria dos pacientes, o primeiro sinal é uma dificuldade moderada para caminhar. Muitos começam a cair mais e sentem como se não soubessem mais andar. Mas há uma lista com diversos sintomas. Veja:

  • esquecimento e falta de atenção;
  • oscilações de humor, com crises de choros e risos repentinas;
  • ataques de raiva sem motivo real;
  • tremores nas mãos;
  • dificuldade para comandar o movimento dos olhos;
  • sensação de visão embaçada;
  • dificuldade para falar e engolir;
  • demência;
  • ansiedade e depressão;
  • problemas para fixar o olhar em alguém.

Como é feito o diagnóstico da doença

Como já mencionamos, o diagnóstico da PSP é complexo e exige muita experiência e conhecimento médico. Em geral, é preciso uma avaliação muito criteriosa dos sintomas.

Ainda assim, nas fases iniciais, é muito comum que o quadro seja confundido com a Doença de Parkinson, já que os sintomas são extremamente parecidos. Desse modo, para fechar o diagnóstico, é preciso avaliar a situação e excluir outras condições. 

Os problemas que mais indicam a possibilidade dessa doença são a falta de equilíbrio e as alterações na marcha, quando estão associados à incapacidade de controlar o movimento dos olhos.

Como é feito o tratamento da Paralisia Supranuclear Progressiva

Infelizmente, a ciência ainda não descobriu nenhum tratamento ou medicamento capaz de curar a doença. Entretanto, existem estratégias e protocolos terapêuticos que ajudam a controlar muitos sintomas. 

Nesse sentido, muitos médicos prescrevem medicamentos para tratar a Doença Parkinson em busca de uma melhoria no controle do equilíbrio e flexibilidade muscular. Além disso, antidepressivos também podem ajudar no tratamento. 

Canabidiol e PSP: saiba mais sobre essa novidade no tratamento

O Canabidiol é uma substância extraída da Cannabis Sativa e tem suas propriedades medicinais comprovadas. Nos últimos anos, diversos pacientes com doenças semelhantes à PSP começaram a receber medicação à base desse composto, como a Doença de Alzheimer e a Doença de Parkinson.

Diante disso, o método terapêutico foi testado com pacientes com Paralisia Supranuclear Progressiva e apresentou resultados positivos. Na prática, estamos falando do controle e melhoria dos sintomas. O uso do medicamento pode, por exemplo: como:

  • melhorar a fala e comunicação;
  • devolver o controle muscular;
  • facilitar o controle dos olhos;
  • melhorar o equilíbrio e evitar quedas;
  • reduzir sinais de irritação e depressão.

Enfim, essa é uma novidade que devolve esperança aos pacientes e seus familiares. Ainda que não seja possível falar em cura, eles podem ter uma melhor qualidade de vida e fazer atividades rotineiras com mais autonomia e disposição.

Conclusão 

A Paralisia Supranuclear Progressiva ainda é uma doença pouco conhecida e isso faz com que muitos pacientes sequer recebam um diagnóstico adequado. Entretanto, muitos estudos já estão sendo realizados com o intuito de simplificar a prática médica e de apresentar alternativas viáveis ao tratamento.

O uso do Canabidiol é uma tendência importante e vale a pena ser avaliada pelo neurologista responsável pelo caso. Afinal, além do avanço na regulamentação e distribuição dos medicamentos em nosso país, a substância é eficaz e tem poucos efeitos colaterais.

Cuidador de idosos, folguista como contratar o melhor?

Para contratar um cuidador para os idosos, é importante primeiro examinar as necessidades e desejos dos idosos. Afinal, o objetivo do aluguel é cuidar e proporcionar conforto aos idosos.

Em algum momento de nossas vidas todos precisaremos de cuidados, é importante que todos ao nosso redor saibam se cercar de um profissional ideal e totalmente receptivo aos desafios da vida. Portanto, é importante compreender as considerações ao escolher um cuidador.

Desta forma, as rotinas familiares podem ser mantidas em segurança tanto para os membros da família como para os idosos. Veja como esse processo deve ser feito ao longo do texto.

Você precisa de um cuidador para uma pessoa idosa que se alegra em circunstâncias pontuais ou temporárias? Descubra neste artigo o que você precisa saber antes de contratar um cuidador.

Quem é o cuidador de idoso folguista

A Classificação Profissional Brasileira (CBO) define cuidadores de idosos como: cuidadores de idosos, acompanhantes de idosos e não autônomos, cuidadores de idosos em casa e cuidadores de idosos em instituições.

Eles cuidam de idosos com base em objetivos fixados por organizações profissionais ou diretamente responsáveis ​​pelo cuidado, saúde, alimentação, higiene pessoal, educação, educação, cultura, lazer e tempo livre do beneficiário.

Como cuidadores habituais, cuidadores folguistas acompanham quem depende de ajuda e assistência nas mais variadas atividades do dia a dia. Obtenha mais detalhes neste artigo ou em um Curso Online com Certificado da área.

O trabalho do cuidador de idosos

Em geral, o papel do cuidador é fazer com que a pessoa que está sendo tratada faça o que ela faria se não tivesse supervisão limitada. Ela cuida da empregada, de acordo com as necessidades (costumes) de cada família.

O sucesso do cuidado de idosos com lazer (e estáveis) depende da escolha da família quanto ao perfil de trabalho adequado. Uma escolha ruim pode frustrar as expectativas e criar atrito.

Primeiro, determine por que você precisa de alguém para cuidar de um idoso feliz. Pode não parecer, mas muitas pessoas primeiro assumem e depois se perguntam quais funções delegam aos cuidadores.

O que os cuidadores fazem aos idosos? Em geral, os cuidadores serão responsáveis ​​por garantir as atividades da vida diária (como alimentação, higiene, medicamentos), cuidados paliativos e relatar a evolução do idoso aos responsáveis ​​por meio de ferramentas como o diário do cuidador.

Tipos de perfil do cuidador de idoso folguista

Pensar no perfil de cuidador desejado ajuda a determinar quais atividades realizar, principalmente para um profissional com uma gama tão ampla de atividades.

Acompanhantes de idosos e ajudantes domiciliares

Ajudantes domiciliares (ex-“ dama de companhia”) e cuidadores de idosos (geralmente aqueles que ajudam com treinamento específico) são documentados, geralmente fornecendo pouco ou nenhum apoio.

Técnico em enfermagem para cuidar de idosos

Um auxiliar de enfermagem qualificado (nível técnico ou superior) pode ser necessário se os idosos estiverem mais debilitados ou tiverem necessidades de saúde mais específicas, como cuidados intensivos de feridas.

No meio do caminho: Cuidadores

A maioria dos cuidadores profissionais, entretanto, fará de tudo um pouco, exceto o que é proibido por lei, como injeções, que só podem ser administradas por profissionais.

Cuidadores de idosos alegres (ou permanentes) colocados entre as trabalhadoras domésticas e enfermeiras tendem a ser mais flexíveis em relação às necessidades diárias da maioria das famílias. Para mais detalhes, sugerimos o Curso de Cuidador de Idosos.

Como contratar um bom cuidador de idoso folguista

O cuidador de idosos folguista (também conhecido como plantonista)  é alguém que serve à família sem necessariamente ter uma relação de trabalho. Pode fornecer serviços esporádicos (como cuidados intensivos), nos fins de semana, ou cobrir o resto do dia (ou férias) por outro especialista.

Embora se trate de uma atividade autônoma e não tenha curso definido por lei, é importante estar atento às relações estabelecidas com os profissionais. Pessoas soltas devem cobrir até 2 dias por semana.

Se incluir 3 dias por semana no mesmo local de residência, o PEC das Domésticas (Proposta de Alteração à Constituição 66/2012, mais lei complementar 150/2015) considera que se trata de uma relação laboral produtiva. Com todos os direitos conexos como férias. prestes a expirar, o 13º salário, entre outras coisas, é comum a todos os trabalhadores, mesmo nas situações em que o cuidador é MEI.

Cuidador de Idoso ou Empregado Doméstico?

Existe uma pergunta muito comum para quem está em vias de contratar: assinar a carteira profissional como auxiliar de idoso ou como empregada doméstica em serviços gerais?

Em primeiro lugar, há que constatar que o trabalhador doméstico é todo o profissional que exerce a sua atividade numa residência sem fins lucrativos (entidade patronal). Sob esse conceito, cuidadores, jardineiros e até enfermeiras seriam considerados empregados domésticos e deveriam ter suas autorizações assinadas com base nas atividades que desempenham.

Cuidadores idosos, trabalhadores rotineiros e outros profissionais que prestam serviços ocasionais também são profissionais domiciliares, mas devido à natureza de prestador de serviços autônomo, não precisam de carteira de trabalho assinada ou MEI.

De que forma posso contratar um cuidador de idoso folguista com segurança?

As condições para a seleção de cuidadores regulares são as mesmas: verificação de antecedentes criminais, verificação de referências profissionais, certificação das competências declaradas pelos cuidadores por meio de checagem de fatos, levantamento de antecedentes pessoais (na polícia e na justiça), verificação de que o cuidador as expectativas são compatíveis com as da família; outras avaliações e pesquisas podem ser necessárias dependendo das funções pretendidas.

Para contratar um cuidador de idosos com total segurança, o Certificado Cursos Online prepara os melhores profissionais e coloca à disposição da população.

 Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Certificado Cursos Online, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre cursos, educação e diversos segmentos.