Autor: Ponto e Contra Ponto Notícias

O que eu posso colocar no meu site: dicas para atrair clientes

Você está pensando em criar um site e está se perguntando o que eu posso colocar no meu site?

Se for o site da sua empresa, é importante deixar claro o que você faz, produtos e serviços que oferece, e por mais que tudo pareça muito óbvio para você, não é para seus clientes e muito menos para seus prospects.

Lembre-se que é seu site que vai convencer seus prospects a entrar em contato e fazer negócio com você.

Para te ajudar, vamos mostrar aqui elementos chave que devem fazer parte de um site, independentemente do seu setor!

O que eu posso colocar no meu site: o que não fazer?

Antes de saber o que eu posso colocar no meu site, saiba que uma das regras de ouro quando criamos um conteúdo para um site, é não copiar os concorrentes.

Embora seja bom saber o que seus concorrentes estão fazendo, a maneira como eles abordam as coisas, os argumentos que usam…você nunca deve copiar o conteúdo deles.

Como provavelmente o seu objetivo é usar todas as estratégias de como aparecer na primeira página do Google, saiba que o Google analisa e detecta os conteúdos parecidos e penaliza os sites que o fazem.

Se você for por esse caminho, estará correndo um grande risco de jamais ver seu site aparecer nas primeiras páginas de resultados.

Além disso, isso não é bom para seu negócio. Coloque-se no lugar de seu prospect em busca de uma empresa como a sua e que vai visitar um, dois, três sites que oferecem exatamente a mesma coisa.

Como ele vai escolher?

Cabe a você se diferenciar dos outros, e não apenas em relação ao preço, mas mostrar a sua expertise naquela atividade, os benefícios que a sua empresa tem a oferecer, de forma que os prospects se interessem em apenas alguns segundos.

Eles precisam saber que encontraram o profissional que compreende e atende às suas necessidades.

O que eu posso colocar no meu site: dicas para atrair clientes

Quais páginas devem aparecer no seu site para atrair clientes, gerar mais tráfego e vender mais?

É verdade que um site profissional bem estruturado é a sua vitrine, aberta 24/24h. No entanto, você deve criar páginas pertinentes para os visitantes do site e para subir na classificação do Google.

Nesse último ponto, para responder a pergunta sobre o que eu posso colocar no meu site, cada página do seu site é importante para posicionar seu site sobre palavras-chave associadas à sua atividade.

Dessa forma, ser mais visível nos mecanismos de pesquisa.

Para que seu site seja eficaz e para que ele gere mais contatos, pense em atualizar todas as informações, além de tornar seu site intuitivo e ergonômico para oferecer a melhor experiência ao usuário.

A navegação entre as páginas deve ser fácil e fluida, e que seus visitantes encontrem tudo o que precisam em apenas alguns cliques.

Lembrando também que para um site profissional, a qualidade do conteúdo é crucial, e cada página deve ter um objetivo bem preciso: apresentar seus produtos e serviços, fortalecer suas competências, levar o internauta a entrar em contato, etc.

O que eu posso colocar no meu site: quais as principais páginas?

Se você ainda está sem saber o que eu posso colocar no meu site, algumas páginas são fundamentais:

1.Home page

Essa página é como uma porta de entrada, tendo um papel determinante para dar uma boa impressão aos visitantes do site.

Ela deve mostrar ao internauta os produtos e serviços que você oferece, informações de contato e indicar claramente qual caminho seguir em direção a qualquer página do seu site.

Para isso, alguns elementos são indispensáveis:

  • O menu para navegar entre as páginas;
  • Sua logo;
  • Sua proposição de valor, que é o que permite aos seus clientes entender se o que você oferece atendem aos seus problemas;
  • CTAs para levar o internauta à ação;
  • Descrição de produtos e serviços;
  • Preços;
  • Informações de contato.

2.Páginas dos produtos e serviços

Essas páginas são muito importantes porque elas descrevem sua atividade e detalham seus diferentes produtos e serviços.

O objetivo aqui é fazer com que o visitante possa visualizar tudo rapidamente se os serviços e produtos propostos respondem à sua problemática.

Além disso, essas páginas representam um papel essencial para o SEO do seu site, porque elas servem para mostrar aos mecanismos de pesquisa qual é a sua atividade.

3.Uma página de apresentação

Sabia que essa é uma das páginas mais visitadas de um site?

Uma página de apresentação, também chamada de “Quem somos?”, é o que permite ao visitante perceber o lado humano da sua empresa.

Essa página inspira confiança e é um elemento determinante na tomada de decisão de um potencial cliente.

4.As páginas locais

As páginas locais são indispensáveis de você deseja ser bem posicionado localmente.

O SEO local é utilizado pelos motores de busca, como o Google, para apresentar resultados geograficamente pertinentes aos usuários.

5.Página de contato

São páginas estratégicas para atrair novos clientes e gerar demandas de contato da parte dos seus prospects.

Seja qual for a sua atividade, é por meio dessa página que os visitantes se decidem se vão entrar em contato ou não com você.

O formulário de contato deve ser adaptado à sua atividade e solicitar ao cliente potencial as informações que permitirão a você responder a sua pergunta.

Leia também: O que vender pela internet? 7 produtos que vendem muito

6.Artigos de blog

Ter um espaço de blog no seu site é uma excelente maneira de aparecer na primeira página do Google.

Ao postar conteúdo regularmente é ideal para que seus leitores conheçam a sua expertise e para melhorar o SEO em cima de palavras-chave pesquisadas pelos internautas.

Mais suas páginas de conteúdo são bem construídas, mais seu SEO melhora.

Todas essas ideias sobre o que eu posso colocar no meu site são essenciais para tornar seu site mais visível, atrair clientes potenciais e gerar mais vendas.

Caso encontre alguma dificuldade em colocar essas estratégias em prática, a dica é consultar uma agência de marketing digital para te orientar e aumentar suas chances de aparecer na primeira página do Google!

Serviços de estética mais procurados

Por exemplo, serviços de saúde e bem-estar, como serviços de beleza, nunca foram tão altos. Há um foco crescente em não adoecer e melhorar a qualidade de vida.

Dessa forma, o mercado de beleza que inclui múltiplos procedimentos relacionados à saúde está crescendo, principalmente no Brasil.

Se você já trabalhou ou cogitou iniciar um negócio dentro da área da estética, saiba que o cenário é altamente favorável e trará diversos bons resultados.

Veja este artigo sobre os serviços de beleza que são os mais procurados e as principais tendências nos seguintes anos. Se você deseja aprender mais sobre a área, indicamos que você faça um Curso de maquiagem online com o objetivo de aperfeiçoar os seus conhecimentos.

Departamento de Cosmetologia e Estética do Brasil

O mercado de serviços de beleza no Brasil é um dos que mais cresce no mundo, depois dos Estados Unidos e da China.

Levantamento da ABIHPEC traz diversos dados que mostram que o setor passou por um “boom” nos últimos anos:

  • O mercado de beleza cresceu 567% de 2015 a 2020;
  • O número de profissionais da região saltou de 72.000 para 480.000;
  • O Brasil é o quarto maior mercado de produtos de higiene pessoal, fragrâncias e cosméticos segundo as pesquisas do Curso de maquiagem online, da plataforma Certificado Cursos Online;
  • No negócio de franquias, o segmento de estética gerou mais de R$ 34,2 bilhões em receita em 2019;

Para quem atua nesse mercado ou pensa em abrir um negócio, esses números mostram um quadro animador, afinal, serviços e procedimentos de beleza têm um grande potencial de consumo. Aqui estão as áreas mais rentáveis ​​da estética.

Quais áreas da estética são as mais rentáveis?

O mercado de beleza é um dos únicos mercados no Brasil que atualmente não são afetados pela crise, tudo porque as pessoas estão economizando em várias áreas, mas veem a higiene pessoal como sendo uma das necessidades que não se deve abrir mão.

Até agora, o mercado de serviços de beleza está extremamente aquecido, mas quais são as áreas mais rentáveis?

Mostraremos para você:

  • Nichos específicos:

Cada vez mais profissionais especializados em áreas específicas, como aqueles com cabelos cacheados e crespos ou em diferentes tipos de coloração, estão ganhando força.

Os salões especializados em serviços capilares, como transições capilares, programas capilares e de restauração de cabelos danificados, cresceram consideravelmente nos últimos anos.

  • Barbearia e Grooming Masculino:

As barbearias que operam no estilo “espaço gourmet” estão em alta. Essas instalações estão se tornando mais modernas e ornamentadas, atraindo cada vez mais públicos.

Além disso, os homens estão mais preocupados com sua beleza, então procedimentos de beleza como sobrancelhas esculpidas, depilação, clareamento dos dentes e maquiagem final são todos bem sucedidos.

  • Procedimento não invasivo:

Os procedimentos estéticos não cirúrgicos estão em grandes tendências dentro do mercado atualmente.

Os procedimentos são realizados externamente sem a anestesia, incisões e outros procedimentos que são mais invasivos.

Alguns procedimentos incluem: Botox, preenchimento de linhas de expressão , preenchimentos de lábios e tratamentos a laser.

Serviços de beleza mais procurados: confira a lista de 12 programas do mercado

À medida que o mercado de saúde, beleza e bem-estar aquece, os clientes estão em alta demanda por certos tipos de procedimentos de beleza. Confira a lista dos 10 serviços de beleza mais procurados abaixo:

  1. Harmonização Facial:

A Harmonização Facial vem sendo um procedimento que vem atraindo homens e mulheres que desejam conquistar uma melhoria dentro da aparência do rosto e consiste em um conjunto de procedimentos estéticos.

Eles são projetados para melhorar o equilíbrio entre certas áreas do rosto, como nariz, mandíbula e dentes, tornando-os mais harmoniosos. Nos últimos anos, ganhou fama à medida que mais e mais celebridades o executam.

  1. Botox:

Botox é um dos procedimentos cosméticos mais conhecidos entre os pacientes.

Nele, a toxina botulínica é injetada em partes específicas do rosto. Por exemplo, a substância entorpece os músculos faciais e previne a formação de linhas finas e rugas na testa.

A aplicação de toxina botulínica costuma apresentar diversos resultados satisfatórios, mas o efeito é temporário e requer aplicação repetida.

  1. Preenchimento Facial:

Os preenchedores faciais são desenvolvidos para preencher sulcos e depressões em diferentes áreas do rosto, harmonizando proporções e contornos. Com ele, os efeitos de olheiras, barba chinesa e maçãs do rosto podem ser reduzidos sem cirurgia.

  1. Bichectomia:

A bichectomia é um procedimento para retirar o excesso de gordura da bola de Bichat localizada na parte interna da bochecha para reduzir o volume da bochecha mais proeminente.

A finalidade do procedimento é deixar o rosto mais fino e claro. Ele é um dos tratamentos faciais mais procurados nos últimos anos, não só por motivos estéticos, mas também por motivos de saúde, pois a excisão pode reduzir a incidência de mordidas dentro da boca.

  1. Preenchimento labial:

Procedimento popular devido às celebridades e considerado muito seguro, o Preenchimento Labial tem o objetivo de promover o aumento ou o resgate do volume labial.

Esse procedimento é realizado pelo ácido hialurônico e tem a função estética de trazer mais harmonia e beleza ao rosto.

  1. Skinbooster:

A aplicação do Skinbooster vem sendo um dos procedimentos de beleza mais procurados nos dias de hoje. Promove a hidratação profunda do rosto e é bom para o rejuvenescimento.

Materiais que melhoram a aparência da pele também podem estimular a produção de colágeno, tornando-a mais firme e radiante.

  1. Peeling químico:

O peeling químico é um tratamento cosmético que aplica ácidos na pele para ajudar a remover as camadas danificadas que será por meio da esfoliação e promover o crescimento de camadas lisas, mais elásticas por meio da renovação celular.

Diz-se que renova a pele, combate a oleosidade e remove manchas. Todos os produtos utilizados devem ser adequados ao tipo de pele e à frequência do seu tratamento.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Certificado Cursos Online, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre cursos, educação e diversos segmentos.

Quando a mamografia deve ser feita?

A mamografia é um tipo de exame de imagem usado para examinar a região interna das mamas, ou seja, o tecido mamário, com o intuito de identificar alterações que possam indicar o desenvolvimento de câncer de mama.

Este exame de mamografia é, geralmente, recomendado para mulheres com mais de 40 anos, mas mulheres com menos de 35 anos que têm um histórico familiar de câncer de mama também devem realizá-lo.

Usando a análise dos resultados BI-RADS, o mastologista será capaz de identificar lesões benignas que não requerem tratamento, mas ele também poderá detectar pequenas mudanças que poderiam ser o primeiro indício de câncer.

Continue lendo este conteúdo para entender melhor quando a mamografia deve ser feita.

Como é feita a mamografia?

Este é um exame simples que pode causar desconforto para a paciente. Isso ocorre porque se coloca a mama em uma máquina que aplica pressão sobre ela, para obter uma imagem mais detalhada do tecido mamário.

Conforme for o tamanho da mama e da densidade do tecido, o tempo de compressão pode variar de mulher para mulher, tornando-o mais ou menos desconfortável ou doloroso

Qual o preparo necessário?

Para realizar uma mamografia, não é preciso ter preparações especiais; no entanto, o ideal é que a mulher evite usar desodorante, talco ou cremes na região peitoral e nas axilas para não interferir nos resultados.

Além disso, recomenda-se que o exame não seja feito dias antes da menstruação, porque as mamas ficam mais sensíveis durante este tempo, potencialmente causando mais desconforto.

Qual a idade certa para começar a fazer mamografia?

De acordo com o INCA (Instituto Nacional do Câncer) do Ministério da Saúde, as mulheres devem começar a mamografia aos 50 anos e a cada dois anos após isso.

A mamografia de rastreamento é um exame de rotina em mulheres sem sintomas de câncer de mama, recomendado a cada dois anos entre as idades de 50 e 69. Fora desta idade e periodicidade, os riscos são maiores e há mais incerteza sobre os benefícios.

A mamografia possibilita uma melhor identificação das lesões mamárias em mulheres após a menopausa. Antes desse período, as mamas tendem a ser mais densas e a sensibilidade da mamografia é reduzida.

Ocorrendo uma quantidade maior de resultados falso-negativos (resultados negativos para câncer em pacientes com câncer) e resultados falso-positivos (resultados positivos para câncer em pacientes sem câncer), além de ter uma exposição desnecessária à radiação.

Já o Ministério da Saúde aconselha contra rastreamento mamográfico em mulheres com idade inferior 50 (forte contra-recomendação: os riscos superam os benefícios). Como resultado, os principais diretrizes e programas de rastreamento do mundo não recomendam rastreamento para mulheres com menos que essa idade.

Rastreamento com mamografia, mesmo na idade recomendada, envolve riscos que devem ser conhecidos pelas mulheres. Além de resultados falso-positivos e falso-negativos, o rastreamento é capaz de detectar cânceres de comportamento indolente.

Estes não colocariam em perigo a vida de uma mulher e acabam sendo tratados (sobrediagnóstico e tratamento excessivo), expondo-a a riscos e danos. As mulheres devem ser educadas sobre os riscos e benefícios do rastreamento mamográfico para que possam tomar decisões sobre a realização dos exames de rotina.

Há alguma contraindicação?

Mamografia é um tipo de radiografia que usa raios X para gerar imagens. Não é novidade que a exposição excessiva aos raios x pode aumentar o risco de qualquer tipo de câncer.

Apesar do fato de que a quantidade de radiação liberada durante uma mamografia seja baixa, é importante aderir à idade mínima para o exame e as recomendações médicas.

Não é aconselhável que mulheres jovens se submetam a este tipo de exame porque suas mamas são mais densas, necessitando uma maior quantidade de radiação para obter imagens mais detalhadas.

A mamografia, assim como qualquer outro exame que use radiação, não é ideal para mulheres grávidas, pois a radiação pode interferir na formação do bebê.

Porém, apesar das contraindicações, tanto mulheres grávidas e mulheres acima de 40 anos que têm suspeitas de câncer de mama podem fazer o teste se um médico responsável o recomendar.

No caso de futuras mães, é preciso tomar algumas precauções, como o uso de um protetor chumbo no abdômen para proteger o feto.

Vale lembrar que às pacientes que usam próteses de silicone que elas tornam os exames mais difíceis porque não são transparentes e muitas vezes usadas acima do músculo mamário.

Resultados possíveis do exame

Em casos raros, o médico pode descobrir alguns resultados incorretos ao analisar um exame de mamografia. Tecidos densos podem ocultar nódulos que não são visíveis durante o exame, assim surge o termo “falso negativo”.

De acordo com os Annals of Internal Medicine, o resultado falso negativo ocorre em cerca de 10% dos casos. Além disso, alguns cânceres agressivos podem passar despercebidos, resultando em desfechos desfavoráveis.

Segundo a organização, 7% a 9% dos exames podem detectar doenças que não existem, uma condição que os médicos referem como um falso positivo.

Esses números enfatizam o quão essencial é o monitoramento clínico e observação do histórico do paciente.

O laudo da mamografia frequentemente adere às recomendações globais e critérios de classificação, como os do Sistema de Relatórios de Imagens da Mama e Sistema de dados (BI-RARDS).

O uso da classificação BI-RARDS permite que o resultado de uma mamografia feita no Brasil, por exemplo, seja entendida em qualquer outra área do mundo.

A mamografia é cara?

Quando uma mulher está sendo acompanhada pelo SUS, ela pode fazer uma mamografia grátis. No entanto, este exame pode ser feito por qualquer plano de saúde.

Além disso, se uma pessoa não possuir um plano de saúde, há laboratórios e clínicas que fornecem esse tipo de exame de modo pago

Conclusão

Como você pôde ver neste conteúdo, a partir dos 40 anos as mulheres devem começar a fazer um exame de mamografia. Quanto mais rápido o câncer for descoberto, maiores serão as chances de se curar da doença.

Por fim, não esqueça a de compartilhar este conteúdo com as suas amigas, caso tenha gostado. E confira também outros posts interessantes em nosso blog!

O que vender pela internet? 7 produtos que vendem muito

O que vender pela internet? O comércio eletrônico parece estar nadando contra a maré da recessão financeira. É o que mostra a Ebit, cujos números registraram um faturamento de 53,2 bilhões de reais no setor de e-commerce em 2018. Esse número é 12% maior do que em 2017.

Outro número interessante são as vendas por meio de dispositivos móveis, como celulares. Em 2019, 42,8% das compras pela internet no Brasil foram feitas dessa forma.

Todo esse crescimento comprova que a internet é um canal ideal para quem quer ganhar mais em tempos de crise econômica. Mas para se destacar na web, é preciso oferecer preços razoáveis, boas condições de pagamento, ótimo atendimento ao cliente e, claro, um bom mix de produtos e ideias de negócio.

Os produtos que mais vendem na internet nem sempre são os que mais movimentam. Curioso?

Por isso, nossa lista de mais vendidos na internet está organizada de duas formas: primeiro, pela ordem de vendas em cada setor; e segundo, pelo volume financeiro gerado pela categoria e Produtos para revender.

Se você está se perguntando como ganhar dinheiro na internet, a gente te explica: apesar das diferenças, todas as categorias podem ser rentáveis ​​e trazer bons resultados para o seu empreendedor se forem bem administradas.

1 O que vender pela internet: Moda

O que vender pela internet, você deve ter sido influenciado por lojas de roupas e/ou acessórios.

Ainda mais nas redes sociais, onde os anúncios de marcas de moda estão se espalhando a toda velocidade todos os dias. De fato, o nicho de moda é uma das principais categorias de produtos no mercado digital e possui bons canais de vendas na internet.

Aliás, de acordo com o sexto relatório NEOTRUST, a categoria mais vendida em 2020 é a de acessórios de moda, respondendo por 19,6% do faturamento total. Diversas opções de micronichos têm atraído a atenção de empreendedores em novos mercados, pois há vários caminhos a serem explorados.

Os principais pequenos nichos incluem: lingerie, plus size, streetwear, beachwear… e também se expande para outros produtos, como calçados e acessórios. Ou seja, não faltam opções de O que vender pela internet nesse nicho! Mas atenção: para O que vender pela internet, é preciso focar em apenas um nicho, ao invés de tentar abranger várias categorias de moda.

2 Produtos de Pet Shop

Você já deve ter notado que as pessoas estão cada vez mais preocupadas com a saúde de seus pets…

Esse interesse em agradar os animais de estimação aqueceu um mercado já em crescimento na internet: produtos para pet shops;

Segundo estimativas do Instituto Pet Brasil, esse segmento cresce a uma taxa anual de 7%.

Mesmo em meio à crise de 2020, as vendas de produtos para animais de estimação deram um salto…

De acordo com levantamento da Euromonitor International, o Brasil é o segundo maior mercado de suprimentos para animais de estimação do mundo, respondendo por 6,4% das vendas. O primeiro são os Estados Unidos, que respondem por 50% do mercado global.

Além disso, entre março e abril deste ano, o gerente de crescimento da Zee.Dog, Pedro Campos, disse ao Metropoles que o número de pedidos feitos pelo aplicativo aumentou 40%.

Isso sugere que o consumo via celular está crescendo (o que se tornou uma realidade para o e-commerce).

3 vendas de cosméticos

A revenda online de cosméticos é um ramo bastante promissor, principalmente para quem gosta de usar produtos de higiene pessoal.

Além de contar com a forte presença de telespectadores femininos na internet, essa categoria também é abraçada por muitos homens que gostam de cuidar da barba e do cabelo, por exemplo.

De acordo com o Webshoppers 41, o segmento de perfumaria e cosméticos teve um aumento de 30% na receita em 2019 e um aumento de 19% nos pedidos – um percentual em relação ao ano anterior.

Você deve ter se deparado com lojas de cosméticos no Instagram…

É uma rede social valiosa para quem vende maquiagem, pois as pessoas procuram dicas de beleza, tutoriais de maquiagem para o dia a dia ou para festas, passos de limpeza de pele…

Tudo isso faz parte do marketing de conteúdo, as ideias que viralizam nas redes sociais, permitindo que sua loja alcance um grande número de pessoas na internet.

4 produtos para casa e decoração

Esta categoria é interessante para O que vender pela internet porque é atrativa para suas próprias compras ou para presentear outras pessoas. O interessante dos utensílios domésticos é que eles são lançados com fotos bem nítidas e dimensões precisas, reduzindo o risco de não caberem no ambiente do comprador.

Os itens decorativos, por sua vez, devem ser enviados em embalagens reforçadas para evitar danos durante o transporte. Tomando esses cuidados, os empreendedores online têm boas chances de lidar com produtos que oferecem bons índices de vendas.

5 O que vender pela internet: Salão de Beleza

Cada vez mais pessoas e profissionais da indústria da beleza procuram produtos de beleza que possam ter em casa.

Produtos relacionados à vida saudável, responsabilidade social e sustentabilidade são um bom exemplo de uma subcategoria promissora.

Há um interesse crescente por questões que envolvem felicidade, saúde, questões ambientais…

Essa pode ser uma ótima oportunidade para O que vender pela internet seu produto na internet.

Isso porque você pode investir bem nessa área e se posicionar como um especialista no assunto, abordando-os dentro da sua marca.

Ou seja, você pode compartilhar seu conhecimento de estética com seu público no e-commerce.

Por exemplo, por meio do blog ou das redes sociais da sua marca, você pode criar conteúdos relevantes com dicas de beleza.

Uma dica é seguir as redes sociais de marcas conhecidas e também de influenciadores que falam sobre esse nicho, assim você pode ampliar seus conhecimentos e ficar por dentro de tudo que acontece nesse espaço.

Lista de convidados online: conheça essa tendência

Ainda tem dúvidas sobre como criar uma lista de convidados online? Neste conteúdo, reunimos todas as informações que você precisa para criar a lista de um jeito fácil. E claro, com toda a praticidade que o ambiente digital oferece. 

Para ter um evento perfeito, você precisa tomar cuidado com várias etapas da organização. Sendo assim, é preciso definir o cardápio, local da festa, decoração, lembrancinhas, músicas para animar a galera e muito mais. 

Então, para criar uma lista de convidados com ainda mais facilidade, você pode aproveitar as plataformas digitais. Inclusive, existem aquelas que são integradas com a lista de presente online, checklist de tarefas para organização. Continue a leitura e saiba mais!

O que é uma lista de convidados online?

Uma lista de convidados online é algo que pode trazer ainda mais praticidade para a vida de quem está planejando um evento. Afinal, todo o processo de listar e organizar os convidados da festa se torna mais simples. 

Ou seja, a ideia é servir como uma lista normal, em que você deverá colocar os nomes de todas as pessoas que quer convidar para sua festa. No entanto, todo o processo é feito de forma online e com ferramentas que tornam tudo mais ágil. 

Inclusive, com as plataformas especializadas é possível contar com a confirmação de presença, assim que cada pessoa confirmar via link. Tudo com apenas alguns cliques e preenchimentos de dados básicos. 

Logo, também fica fácil organizar a parte de acompanhantes, número de crianças e todos os outros detalhes importantes para o evento. 

Por que criar uma lista de convidados online?

Agora você entende como funciona uma lista de convidados online, mas é sempre bom esclarecer como essa ferramenta pode ser útil. Por meio dela, você pode automatizar processos e agilizar toda a organização do seu evento

Nesse sentido, reunimos alguns pontos positivos que podem ajudar você nesse momento. Saiba mais sobre as listas digitais a seguir. 

Dê adeus às planilhas!

Criar uma planilha pode ser um passo inicial para quem quer criar uma lista de convidados para uma festa. No entanto, a planilha nem sempre conta com todas as ferramentas ideais para ajudar nesse momento. 

Sem falar que não possui um design atrativo e que ajude o anfitrião a utilizar recursos de forma intuitiva. Porém, com uma lista de convidados online, a situação é bem diferente. 

O programa conta com sistema otimizado que facilita a listagem e torna a organização ainda melhor. Com isso, o usuário pode aproveitar melhor o momento, utilizando algo intuitivo e com tudo que ele precisa. 

Não se esqueça de ninguém importante

Com uma lista de convidados online também fica mais fácil montar a relação de convidados sem esquecer ninguém. Em plataformas próprias, existem até categorias para organizar os convidados por grupos. 

Sendo assim, é possível selecionar todas as pessoas da família, seguir para amigos de faculdade, colegas de trabalho e assim por diante. Ao separar por grupos, você tem mais chances de lembrar de todas as pessoas. 

Com isso, terá uma lista ainda mais completa e sem correr o risco de esquecer alguém que é realmente importante para dividir esse momento com você. . 

Fácil visualização

No momento de organizar uma festa, contar com certas comodidades pode tornar toda a administração do evento mais leve. Desse modo, ao criar uma lista de convidados online, você tem acesso a algo de fácil visualização. 

Ou seja, nada de planilhas estranhas e com colunas atrapalhadas. Em listas digitais, você tem acesso a um modelo de uso simples e que também torna prático o momento de conferir informações. 

Desse modo, caso queira conferir se uma pessoa está confirmada na lista ou se está faltando alguém, basta dar alguns cliques!

Gestão da confirmação de presença facilitada

O processo de confirmação de presença é algo que pode trazer dúvidas no momento de organizar um evento. Afinal de contas, qual seria a forma mais fácil de conferir se os convidados irão ao evento? 

Com a lista de convidados online, tudo pode ser mais prático. Isso porque, as plataformas integradas conseguem ligar um link de confirmação com a planilha, repassando a informação automaticamente. 

Então, você não tem todo o trabalho de perguntar pessoa por pessoa e depois colocar os dados no sistema. Tudo é feito de forma automática para facilitar a sua vida. 

Vale dizer que você pode até mesmo visualizar gráficos com a porcentagem dos confirmados e quantos ainda estão pendentes. Existem até opções para organizar esses gráficos com indicadores de acompanhantes e número de crianças, por exemplo. 

Como criar uma lista de convidados online?

Depois dessas informações, você já sabe que criar uma lista de convidados online pode facilitar sua vida e ajudar na organização do seu evento. Para isso, a melhor estratégia é criar um site para sua festa. 

Algumas empresas oferecem esse tipo de serviço e contam com sistemas completos para atender várias demandas. Por isso, em um só lugar, você encontra várias funcionalidades diferentes. 

É possível escolher cores, elementos, fotos e até criar um blog. Lembrando que a ferramenta serve para todo tipo de festa: aniversário, chá de panela, casamento e formatura, por exemplo.

Conclusão

Gostou da ideia de ter uma lista de convidados online? Essa é uma tendência que veio para ficar, pois traz muitos benefícios ao anfitrião e seus convidados. 

Então, agora que você já sabe de tudo isso, não perca mais tempo! Se está prestes a dar uma festa, não deixe de criar um site e aproveitar todos os seus recursos e funcionalidades! Com certeza, você não irá se arrepender!

Quando usar ácido hialurônico?

De repente você notou uma aparição inesperada de linhas finas e rugas depois de olhar para seu rosto durante uma reunião de vídeo chamada no Zoom, nós entendemos o que você está passando, por isso estamos aqui para lhe oferecer uma solução fácil e indolor para manter sua harmonização facial, conheça o ácido hialurônico.

Embora não esteja claro se todos envelhecemos rapidamente nos últimos dois anos, definitivamente olhamos muito mais para nossos próprios rostos e o de nossos familiares desde que ficamos confinados em nossas casas e presos em um ciclo interminável de videochamadas.

Felizmente, nunca houve um momento melhor para incorporar um impulso hidratante em sua rotina com um soro hialurônico super-hidratante e de combate às linhas finas.

Hoje nós vamos conversar um pouco sobre quando usar o ácido hialurônico, então fique conosco!

O que é o ácido hialurônico?

O ácido hialurônico é um umectante que é usado em produtos de cuidados pessoais. Os umectantes funcionam muito bem como um mecanismo para hidratar a pele, para que você possa colocar altos níveis em sua rotina de cuidados com a pele.

Os umectantes são ótimos para hidratação em geral, mas o ácido hialurônico é especial porque é algo que já está na pele.

E de acordo com um relatório publicado pela Dermato Endocrinology , “o envelhecimento da pele também está associado à perda de umidade da pele. A molécula chave envolvida na hidratação da pele é o hialuronano ou ácido hialurônico (HA), um glicosaminoglicano (GAG) com uma capacidade única de ligar e reter moléculas de água.”

E, portanto, ter ácido hialurônico nos cuidados com a pele é realmente benéfico porque está repondo algo natural em sua pele e está crescendo em popularidade a cada ano, à medida que mais consumidores estão se conscientizando de seus benefícios e mais marcas podem incluí-lo em seus produtos.

O que o ácido hialurônico faz?

O ácido hialurônico é uma substância que atrai e puxa a umidade, mesmo do ar. Portanto, se você estiver em um ambiente de alta umidade, ele atrairá a umidade de lá e, às vezes, também puxará a umidade das camadas mais profundas da pele.

Isso é tão bem apreciado pela indústria cosmética porque a maior causa do envelhecimento e do aparecimento de rugas na pele é pela falta de umidade na mesma.

Como o ácido hialurônico age na sua pele?

Já em sua essência, o ácido hialurônico absorve a umidade e a mantém na pele para hidratá-la. Dá à pele uma aparência mais revigorada e preenchida.

As moléculas de ácido hialurônico vêm em vários tamanhos. As moléculas maiores de HA, apesar de serem as melhores em ligar a água e oferecer hidratação, não podem penetrar na pele. Quando aplicadas topicamente (na pele), essas moléculas ficam em cima da pele, oferecendo hidratação apenas na superfície. Moléculas menores de HA, que ligam menos água do que moléculas maiores de HA, podem penetrar mais profundamente na pele (embora apenas na epiderme, a camada superior da pele). Para máxima hidratação da superfície, procure um produto que contenha moléculas de HA em vários tamanhos.

Como usar o soro de ácido hialurônico?

Agora vamos lhe ensinar passo a passo como utilizar o soro de ácido hialurônico para manter uma boa harmonização facial e manter uma pele com aspecto jovem e saudável por mais tempo. Vamos ao passo a passo: 

Passo 1: Lave o rosto com o seu sabonete favorito .

Passo 2: Aplique um toner ou névoa facial e NÃO SEQUE. Se você preferir não usar um toner, borrife seu rosto com um pouco de água.

Etapa 3: aplique suavemente o soro HA no rosto DAMP (mais sobre isso abaixo).

Etapa 4: aplique seu hidratante para ajudar a selar a umidade, mas também para fornecer umidade para o HA absorver.

Passo 5 : Siga com o creme para os olhos de sua preferência .

Passo 6: Aplique um protetor solar e deixe secar.

Passo 7: Você está pronto para começar a aplicar sua maquiagem.

A coisa mais importante a lembrar neste processo é que o ácido hialurônico deve ser aplicado na pele úmida, nunca aplique o mesmo com a pele seca, pois assim não terá máxima eficiência.

Também, caso aplique com o rosto seco, poderia realmente ter o efeito inverso. Lembre-se de que o HA é um ímã para a umidade e, se sua pele estiver seca, ele absorverá qualquer umidade que encontrar nas camadas mais profundas da pele para hidratar a superfície.

Se o HA entrar em contato com a água primeiro, isso não acontecerá.

Em vez disso, você ficará com uma pele hidratada, suavizada e preenchida!

Quando usar ácido hialurônico?

A recomendação é que se faça uso do mesmo diariamente, podendo ser passando tanto de manhã (para dar umidade adicional ao longo do dia), quanto à noite (para repor a umidade perdida durante o dia). Isso tornará sua pele muito mais jovem e suave!

Primeiros socorros em clínicas geriátricas: qual profissional deve ser responsável por esta parte

É responsabilidade de uma clínica geriátrica fornecer um atendimento diferenciado, agora quando se trata de um profissional dessa área qualificado e responsável pela função dos primeiros socorros seu posto passa a ser muito mais exigido e priorizado.

Não basta apenas ter um curso de primeiros socorros, você precisa saber tudo sobre este tipo de instituição também.

Mas afinal o que exatamente é uma clínica geriátrica? Qual a importância dos primeiros socorros nessa área? Quais são as obrigações de uma clínica geriátrica? Quais os profissionais que devem ser responsáveis por atender emergências?

Com base nas perguntas acima, obtenha a resposta de cada uma delas logo abaixo, leia com atenção e saiba um pouco mais sobre as clínicas geriátricas e também sobre as demais informações relevantes sobre o assunto.

O que são clínicas geriátricas?

É um espaço com profissionais especializados em cuidar de idosos promovendo a prevenção de doenças que ocorrem na velhice, além de realizar tratamento qualificado para idosos com algumas doenças e deficiência.

Esse atendimento também conta com o auxílio de profissionais como fisioterapeutas, nutricionistas, farmacêuticos, psiquiatras, assistentes sociais, entre outros, onde ambos sempre trabalham em prol de fornecer uma velhice mais leve e saudável.

Um profissional geriatra é um médico formado e especializado nessa área, onde através da residência obteve conhecimento e qualificações de forma que seja capaz de atender com profissionalismo os pacientes.

Qual a importância dos primeiros socorros nestas clínicas?

Antes de ir a explicação dessa afirmação é importante entender o significado de primeiros socorros, que nada mais é que técnicas e procedimentos para atender momentos de emergências no intuito de salvar vidas, e livrá-las dos males que estiverem passando.

Focando nesses atendimentos de emergências percebe-se que clínicas geriátricas trabalham diretamente com idosos que necessitam de um auxílio e tratamento, por isso ambos correm risco.

Sendo assim é fundamental uma clínica ter um profissional qualificado para fornecer os primeiros socorros com técnicas precisas não apenas para os pacientes, mas também para todos os funcionários.

O conhecimento em primeiros socorros deveria ser obrigatório não só em clínicas e empresas, na verdade todas as pessoas deveriam ter pelo menos um conhecimento básico, de certa forma o índice de mortalidade automaticamente reduziria drasticamente.

Quais são as obrigações de uma clínica geriátrica?

São várias as responsabilidades e obrigações de uma clínica geriátrica, para que a mesma se mantenha conforme as normas e legalizada, para que assim permaneça no mercado sem riscos de advertências e punições, a seguir conheça um pouco mais de suas obrigações.

Qualificação em primeiros socorros: Esse é um dos requisitos fundamentais, não só voltado para os idosos mas a todo que faz parte clínicas profissionais e pacientes, e isso é um obrigada de toda e qualquer empresa, podendo ser da área da saúde ou não.

Autorização de vigilância sanitária: Uma clínica geriátrica realiza tratamento de doenças, faz aplicações de medicamentos, cuida das mais diversas situações delicadas relacionadas à saúde, sendo assim é obrigatório que o ambiente seja sempre dedetizado e limpo conforme as normas da autorização da vigilância sanitária.

Conhecimento e profissionalismo: Todos os profissionais em seus diferentes cargos necessitam  ter conhecimento para que sejam capazes de resolver os problemas que cada idodo possui, além de que muitos dos profissionais necessitam ser formados e especializados na sua área de atendimento.

Equipamentos e confortos: Algumas clínicas geriátricas de maior estrutura poderão ter pacientes internados, por isso é fundamental que a mesma possua equipamentos de qualidade e que de certa forma também promova conforto.

Qual profissional deve se responsabilizar?

É fundamental que toda e qualquer clínica possua um enfermeiro socorrista, e como se trata de uma empresa na qual tem os seus riscos, deve cumprir todas as regras, além de todos os funcionários sem exceções devem ter conhecimento básico de primeiros socorros.

Por isso saiba que além de todos saber agir em momentos emergenciais é fundamental que a clínica também possua equipamento tanto para proteção individual, quanto equipamentos para resolver e minimizar uma situação de risco.

O próprio geriátrico já possui conhecimento de atendimentos em primeiros socorros desde os mais simples de baixo riscos, até os mais complexos de alto risco, justamente porque em sua própria formação obteve esses conhecimentos.

Dessa forma o mesmo já se responsabiliza em atender a cada necessidade emergencial, porém como já foi dito, além de um médico geriátrico ter esse conhecimento precisa também ser também um entendimento de todos os especialistas da clínica.

Qual a importância de um idoso procurar por um especialista geriátrico?

É fundamental saber que uma pessoa já é considerada idosa a partir dos 65 anos de idade, independente de estar aposentada ou não, até mesmo independe do seu estado de saúde, podendo ser péssima, ruim, regular, boa ou ótima.

A busca por um médico geriátrica é fundamental para que cada vez que os idosos chegam na velhice sua saúde seja preservada, promovendo uma melhor qualidade de vida,  dessa forma iniciar um tratamento o quanto antes será a melhor decisão a ser tomada.

Atenção e cuidados

Antes de buscar por um profissional geriátrico é fundamental analisar se realmente ele é um médico formado na área, sem tem diploma e autorização, além de pesquisar e analisar o máximo de informações possíveis sobre a clínica.

Busque saber se ela corresponde e atendente conforme as novas, analise o espaço se é confortável, organizado, verifique também se há um bom atendimento, pois ninguém merece estar num lugar onde não é bem recebido.

Desconfie de promessas milagrosas, é importante também sempre que for medicado saber qual a função do medicamento, quais os efeitos, enfim analise tudo, e se tudo isso for priorizada a chance de estar no lugar certo é grande.

Considerações finais

Em resumo de tudo que foi descrito acima vale relembrar que o conhecimento dos primeiros socorros é uma obrigação de todos em uma clínica geriátrica, onde são responsáveis por suas vidas em nível individual e também pela vida dos pacientes.

Cursos online são excelentes formas de manter todos capacitados de uma maneira rápida e eficaz.

Deixe nos comentários suas dúvidas e experiências relacionadas ao tema, e assim que possível será respondido. Espero muito que tenham gostado do conteúdo abordado, um grande abraço e até a próxima.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Certificado Cursos Online, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre cursos, educação e diversos segmentos.

O que é controle financeiro? 3 dicas de como administrar o seu dinheiro

Quando você descobrir o que é controle financeiro e como fazer um, a sua vida vai mudar. E para a melhor. Afinal, chega de dívidas ou dificuldade em criar uma reserva de emergência, não é mesmo?

Uma pesquisa feita pela Febraban constatou que 69% dos brasileiros gastam mais do que ganham ou conseguem apenas pagar suas contas, sem poupar dinheiro. O Índice de Saúde Financeira do Brasileiro (I-SFB) revelou que 6 em cada 10 alegam que o modo que cuidam da sua vida financeira não permite aproveitar a vida.

Ou seja, é preciso aprender a lidar com o dinheiro e saber qual a importância do controle financeiro para conquistar sonhos e objetivos.

Quer entender melhor para que serve o controle financeiro? Continue a leitura e aprenda, na prática, como organizar melhor as suas finanças.

O que é controle financeiro?

O controle financeiro é o ato de registrar, analisar e planejar o fluxo de receitas e despesas da família.

Isto é, ao adotar o hábito do controle das suas finanças, você entende exatamente de onde vem e para onde vai o seu dinheiro. E, ao adquirir esse conhecimento, sabe quais meses há um gasto maior ou menor, podendo se planejar com maior precisão para o futuro.

Logo, o controle financeiro é dinâmico e constante: ele precisa ser feito ao longo da sua vida e não apenas durante um ou dois meses.

Em resumo, explicamos o que é controle financeiro através de três hábitos essenciais:

  • registro de ganhos e custos mensais;
  • utilização do orçamento doméstico com maior eficiência e precisão;
  • consumo de forma mais consciente.

Para que serve o controle financeiro?

Você sabe o quanto gastou mês passado com gasolina? E com compras de mercado? Conhece os seus gastos fixos com moradia, transporte, alimentação, educação e saúde?

Ao entender o que é controle financeiro é possível perceber suas funções práticas. Até porque, você pode até achar que consegue memorizar todos os gastos, mas isso é simplesmente impossível.

Como comparar os valores de custo de vida de um mês para o outro? Como entender os itens que podem ser economizados? Como saber se é possível comprar um carro? Apenas com o controle das finanças.

A contabilidade real é completamente diferente da mental, baseada em achismos ou lembranças. Pequenos gastos diários são esquecidos e, portanto, não são calculados.

Confira os principais benefícios de adotar o controle financeiro na sua rotina:

  • entender a sua verdadeira realidade financeira;
  • conseguir planejar o futuro;
  • saber quais gastos podem ser mais econômicos e quais você precisa aumentar;
  • começar a poupar e a investir dinheiro;
  • conhecer o resultado financeiro mensal e anual.

Mas, o que é o resultado financeiro? É o desfecho do seu mês. Ele pode ter:

  • resultado deficitário: quando o total das despesas superam as receitas mensais;
  • resultado neutro: quando você consegue “fechar” as contas, mas não pode arcar com imprevistos ou investimentos;
  • resultado superavitário: quando o total das suas receitas é maior do que as suas despesas no mês, possibilitando a criação de uma reserva de emergência ou aplicação de dinheiro.

Qual a importância do controle financeiro?

Percebeu qual a importância do controle financeiro para ter uma vida mais compatível com a sua realidade, sem a necessidade de endividamentos? 

Se ainda está com alguma dúvida sobre todas as vantagens proporcionadas pelo acompanhamento das suas finanças, trouxemos mais alguns motivos para você começar a registrar seus ganhos e gastos agora mesmo.

Um deles é o fato de descobrir qual categoria de gastos demanda mais dinheiro. Por exemplo, você gasta mais com água, luz, compras de mercado, lazer ou educação?

A partir desse entendimento, você consegue visualizar quais hábitos podem ser mudados e quais são relevantes para o bem-estar de todos. O que é mais importante para você: gastar com compras de mercado ou lazer? O que pode ser reduzido no mercado para liberar mais dinheiro para viagens ou shows?

É importante compreender que economizar em uma categoria é diferente de poupar dinheiro. Economizar é encontrar formas de reduzir ou eliminar gastos. Poupar é guardar o dinheiro para usá-lo no futuro.

Logo, o controle financeiro possibilita que você faça uma alocação mais eficiente e racional da sua renda. E, dessa forma, aprenda como alocar seus recursos com mais planejamento, incluindo metas e objetivos a serem conquistados.

Como fazer o controle financeiro?

Depois de aprender o que é controle financeiro, vamos às dicas de como começar o seu? 

  • Crie suas categorias de despesas

As categorias variam de acordo com as suas necessidades. Evite usar termos genéricos para conseguir aumentar a precisão do seu registro e da sua análise no final do mês. Veja alguns exemplos de categorias:

  • de receitas: englobam o seu salário e outras formas de remuneração mensal, como férias, 13º, benefícios, trabalhos freelancers, renda de investimentos etc;
  • de reserva financeira: a quantia destinada às suas aplicações em poupança e renda fixa ou variável para aposentadoria, reserva de emergência, viagem, faculdade etc;
  • de despesas: aqui podem-se incluir também subcategorias, como moradia (aluguel, contas, IPTU e manutenção), alimentação (mercado, restaurantes e lanches), educação (cursos, livros, escola e faculdade), saúde (plano de saúde e farmácia), compras, internet, transporte, entre outras;
  • de empréstimos e financiamentos: é importante criar uma categoria apenas desse assunto para entender a origem e os valores das dívidas e prestações.
  • Entenda o seu fluxo de caixa pessoal

Após determinar as suas categorias, é a hora de começar a anotar cada receita e despesa de forma organizada e acessível.

Ao finalizar o período de anotações, é possível analisar o fluxo de caixa do mês. Ele é um demonstrativo de tudo o que foi gasto e recebido para entender o motivo do resultado financeiro.

É importante manter a constância e a disciplina nas anotações diárias. 

  • Faça seu orçamento pessoal ou familiar

Após conhecer a sua situação financeira, é possível desenvolver um plano de orçamento, incluindo metas, prazos e objetivos financeiros para o futuro.

Além disso, esse orçamento permite que você aprenda a consumir de forma mais consciente, que acompanhe as suas receitas e o seu estilo de vida.

Ferramentas para controle financeiro

Entendeu o que é controle financeiro e como você deve fazer o seu? Para facilitar esse processo, separamos dicas valiosas e práticas para você começar hoje!

  • Anotações em cadernos: registro manuais do seu fluxo de caixa. Apesar de ser uma forma mais rápida e acessível, esse processo pode causar desvantagens, como dificuldade em realizar os cálculos e fazer análises mais completas e o estrago ou perda do próprio caderno.
  • Planilhas eletrônicas: nas planilhas, como o Excel, é possível organizar melhor os seus registros e automatizar cálculos e categorias.
  • Aplicativos de finanças pessoais: há muitas opções de aplicativos gratuitos que disponibilizam relatórios, gráficos e alertas. Alguns deles ainda fazem conexão direta com sua conta bancária para ajudar a registrar as entradas e saídas mensais.

Além dessas ferramentas é possível aprender ainda mais com cursos sobre educação financeira, por exemplo. Assim, fica mais fácil entender os conceitos e aplicá-los na sua rotina.

O mais importante ao saber o que é controle financeiro é compreender que é fundamental ter disciplina. Só assim consegue-se aliviar a pressão do presente e planejar melhor o seu futuro com maior tranquilidade e assertividade.

E você, já faz o controle das finanças pessoais? Busca entender mais sobre esse assunto? Já definiu seu objetivo e planejamento financeiro? Aproveite e comece hoje!

O que fazer em um relacionamento chato?

Pode ser um problema de curto prazo relacionado ao estresse no trabalho ou outros problemas que levaram sua parceira ou parceiro à distração. Ainda mais com uma agenda agitada e uma rotina de trabalho intensa, pode deixar seu relacionamento exaustivo e desinteressante. 

É preciso deixar claro que é comum e muito natural que os relacionamentos tenham seus seus altos e baixos. Os estágios iniciais são frequentemente marcados por emoções intensas e apaixonadas que gradativamente se temperam com o tempo. À medida que seu relacionamento se torna mais estável e confortável, é provável que ele venha passar por períodos de seca quando seu parceiro ou parceira de repente está menos interessado em sexo do que você.

Estresse é o combustível da insatisfação!

O estresse é o combustível que afeta negativamente os relacionamentos amorosos e sexuais. Pesquisas sugerem que a satisfação sexual desempenha um papel fundamental em relacionamentos saudáveis. Mas há vários fatores que podem influenciar a qualidade da vida sexual de um casal, bem como o desejo sexual individual ao longo de um relacionamento.  

Isso não apenas pode despertar sentimentos de frustração e dúvida, mas também pode deixar você se perguntando se esse pode ser seu primeiro passo em direção a um casamento sem sexo. Não é uma preocupação infundada; tais pesquisas sugerem que a quantidade de sexo que as pessoas estão fazendo está em declínio.

Sinais de tédio nos relacionamentos

Alguns sinais de que você pode estar em um relacionamento que estar passando por um períodos de seca ou que ficou chato:

  • Alguns sinais de que você pode estar em um relacionamento chato;
  • Você não se interessa pela vida, sentimentos ou interesses de seu parceiro;
  • Vocês não prestam tanta atenção um ao outro como no início do relacionamento;
  • Pensar no futuro de seu relacionamento faz você se sentir desconfortável ou infeliz;
  • Você acha que passar tempo com outras pessoas é muito mais agradável e excitante;
  • Você gostaria de poder mudar seu parceiro ou seu relacionamento;
  • Você sente que não tem nada em comum!
  • Você tem dificuldade em encontrar coisas para falar;
  • Você não gosta de passar tempo juntos.

É importante se sentir confortável em seu relacionamento. Isso significa que você confia em seu parceiro(a) e sente que pode ser você mesmo(a) quando está com a outra pessoa.

Saiba enfrentar os desafios

Não há regra sobre quando um período de seca é “muito longo”. Muito disso depende da idade do casal, há quanto tempo eles estão juntos e qual tem sido seu padrão habitual de sexo.

É importante não confundir as estimativas “médias” de quantas vezes os casais fazem sexo com o que é normal para você e seu relacionamento. Cada indivíduo e casal é diferente, e o desejo sexual tende a flutuar naturalmente ao longo do tempo. O importante é que ambos estejam satisfeitos com a quantidade e a qualidade do sexo que fazem. 

Em última análise, se um período de seca estiver causando tensão palpável no relacionamento ou minando a confiança de um ou ambos os parceiros, é necessário tomar medidas. A menos que ambos os parceiros estejam dispostos a se envolver em uma comunicação honesta e aberta, qualquer discussão sobre a falta de sexo pode desencadear sentimentos de culpa, raiva, culpa ou constrangimento, retrocedendo em vez de avançar em uma solução.

Para este fim, existem passos que você pode tomar para resolver o problema em conjunto. Exigiria, em primeiro lugar, que você não fizesse nenhuma suposição sobre a falta de interesse sexual de seu parceiro, não importa o quanto isso possa estar lhe causando sofrimento.

Você já pensou em realizar uma consulta com urologista online?

Pesquisas mostram que a intimidade sexual começa a diminuir por volta dos 45 anos e continua à medida que as pessoas envelhecem. Assim, é imprescindível que os homens busquem a ajuda da urologia online. As consultas via telemedicina são cada vez mais usadas por casais, visto que elas integram diagnóstico e tratamento medicamentoso em um só lugar. 

Homens: precisamos falar sobre disfunção sexual!

Eu sei, pode parecer difícil falar sobre um assunto que, ainda, gera certo constrangimento no público masculino. Mas a verdade é uma só: a maioria dos homens já broxou alguma vez na vida

A disfunção sexual envolve qualquer problema que ocorra em qualquer ponto durante o ciclo de resposta sexual que impeça um indivíduo ou um casal de ter uma experiência sexual satisfatória. Isso pode incluir problemas de desejo, excitação, orgasmo ou dor.

Os tipos de disfunção sexual em homens incluem disfunção erétil, ejaculação retardada e ejaculação precoce. Nas mulheres, os tipos de disfunção sexual podem incluir lubrificação inadequada durante a relação sexual, a incapacidade de relaxar os músculos vaginais para permitir a relação sexual. 

Como consertar um relacionamento que passa por um período de seca?

O quarto é o pior lugar para conversar com seu cônjuge sobre problemas sexuais no relacionamento, visto ser o cômodo onde ambos estão expostos e vulneráveis. Em vez disso, encontre algum território neutro para que você possa ficar sozinho, privado e imperturbável.

Faça todos os esforços para se expressar com sensibilidade e sem qualquer sugestão de culpa. Embora seja importante compartilhar suas preocupações, faça-o dentro do contexto do relacionamento, em vez de afirmar como “você” está causando preocupação em “eu”. É aí que a preocupação se transforma em culpa. Tente conversar quando ambos estiverem relaxados, digamos, depois de uma caminhada, não quando estiverem mal-humorados ou cansados. Não insista na falta de sexo. 

A terapia de casal pode ser ótima para ensinar habilidades de gerenciamento de estresse e pode ajudar a identificar tendências de depressão ou ansiedade. Além disso, reserve um tempo para reiterar a importância da intimidade e da proximidade física enquanto se esforça para encontrar uma solução duradoura.

O tédio em geral tem um impacto negativo em um relacionamento. Estudos descobriram que as pessoas que relataram se sentir entediadas em seu casamento estavam menos satisfeitas em seu relacionamento nove anos depois. Outras pesquisas mostraram que as pessoas podem ter uma necessidade psicológica inerente de variedade e novidade, o que explica por que relacionamentos podem passar por um período de falta de sexo.  

Há estratégias que o casal pode utilizar para colocar um pouco mais de emoção e energia em um relacionamento monótono. Para melhorar seu relacionamento, você deve começar fazendo algumas perguntas:

  • Você está entediado ou apenas confortável? Se você está confundindo os dois, pode valer a pena gastar algum tempo pensando sobre suas expectativas e o que você espera de um relacionamento.
  • Que aspectos do seu relacionamento parecem monótonos? Saber em quais áreas você gostaria de se concentrar pode lhe dar um senso de direção ao encontrar soluções.

Depois de entender melhor o problema, considere implementar uma ou mais das soluções a seguir.

Vão devagar

Restabelecer sua vida sexual não é se despir e fazer sexo com penetração imediatamente. A reconexão precisa ser um processo de construção gradual de contato. Tentem se reconectar! Progredir lentamente para carícias, massagens, sexo oral e além. Esqueça sua velha rotina, faça as coisas em uma ordem diferente e leve o tempo que achar certo.

Além disso, você pode fazer uso de um medicamento poderoso: tadalafila. Mas antes consulte seu médico urologista via telemedicina. O princípio ativo do tadalafila é facilitar ou potencializar a ereção, mas é importante entender que ele não gera uma ereção espontaneamente. Ele só funciona quando a pessoa já está com desejo e recebe uma estimulação, e nesses casos ele pode tornar a ereção mais forte, mais duradoura, ou diminuir o intervalo entre uma relação e a próxima. 

O mais importante é: lembre-se, as secas sexuais vêm e vão. Não aceite nada menos do que você não mereça. Sonhamos com isso a vida toda. É um lembrete valioso de que, quando se trata de sexo – ou de qualquer outra coisa em nossas vidas – todos nós merecemos mais do que um acordo. 

Mude como você pensa e sua rotina

Pesquisas sugerem que uma estratégia conhecida como reavaliação cognitiva pode mudar a forma como as pessoas pensam sobre o amor e seu relacionamento. Esse processo envolve interpretar as situações de diferentes maneiras para mudar a forma como você pensa e sente sobre elas.

Com essa estratégia, você pode se concentrar em observar as qualidades positivas de seu parceiro e pensar em como essas características contribuem para seu relacionamento.

Sentir-se entediado em seu relacionamento pode ser um reflexo de estar entediado em geral. Uma maneira de mudar isso é agitar suas rotinas diárias. Em vez de comer nos mesmos lugares, considere ir a algum lugar novo como casal. Encontre um novo hobby que vocês dois possam experimentar juntos. Ou até mesmo procurar maneiras de apimentar as coisas no quarto.

Pesquisas sugerem que atividades compartilhadas podem ser uma maneira eficaz de combater o tédio nos relacionamentos. Casais que tentaram uma intervenção online de quatro semanas para aumentar a excitação do relacionamento relataram sentir maior excitação e satisfação no relacionamento quatro meses depois.

Recomeçar

Não é incomum que os relacionamentos fiquem chatos de vez em quando. Às vezes pode ser um sinal de que você precisa tomar medidas para revigorar o relacionamento, mas outras vezes pode ser sinal de algo mais sério. 

A chave para lidar com isso é ter uma comunicação com seu cônjuge. Seja aberto e honesto sobre como você se sente. Uma vez que ambos entendam o que está acontecendo, vocês podem trabalhar juntos para resolver o problema ou conversar sobre outras opções, que podem incluir aconselhamento de casais ou potencialmente terminar . 

Em última análise, lembre-se de que os relacionamentos nem sempre são fáceis,eles dão trabalho mesmo quando se trata de manter a faísca viva. Não existe uma solução única e simples que seja certa para cada casal. No entanto, se ambos estiverem dispostos a comprometer o tempo e o esforço, podem trabalhar juntos para colocar seu relacionamento de volta no caminho certo, mais emocionante e satisfatório. 

Palmeiras foi o terceiro brasileiro a ganhar duas Libertadores seguidas

A Libertadores voltou a ter um campeão por duas temporadas consecutivas. Com os títulos das edições de 2020 e 2021, o Palmeiras de Abel Ferreira alcançou o feito na competição sul-americana.

A última vez que um clube brasileiro havia vencido a Libertadores duas vezes consecutivas foi o São Paulo de Telê Santana, nos anos de 1992 e 1993. Em entrevistas, Abel afirmou ser admirador da história do ídolo tricolor, que também comandou a seleção brasileira e até o Palmeiras.

Sem contar apenas os brasileiros, esse feito foi alcançado em 2000 e 2001, quando o Boca Juniors, de Carlos Bianchi, venceu o Verdão e os mexicanos do Cruz Azul nas respectivas decisões.

Bicampeonatos consecutivos da Libertadores

O Palmeiras entrou em um seleto grupo de clubes campeões consecutivos da Copa Libertadores. Com a vitória por 2 a 1 sobre o Flamengo, no Estádio Centenário de Montevidéu, no Uruguai, o time se tornou o melhor da América pelo segundo ano seguido. Em 2000, o Verdão bateu na trave quando perdeu a final para o Boca Juniors. 

A primeira equipe brasileira a disputar duas finais de Libertadores seguidas foi o Santos de Pelé, em 1962 e 1963. A equipe santista conquistou o bicampeonato da Libertadores. Em seu primeiro título, o Peixe venceu o Peñarol na final em três jogos, ganhou no Estádio Centenário por 2 a 1, perdeu na Vila Belmiro por 3 a 2.

O jogo desempate ocorreu em Buenos Aires no Estádio Monumental de Nuñez na Argentina, com dois gols de Pelé, o Santos vence por 3 a 0 e conquistou o seu primeiro título continental. Em 1963, o time do litoral paulista ganhou do Boca Jrs. nos dois jogos da final, por 3 a 2 no Maracanã e 2 a 1 em La Bombonera.

Assim como o Santos de Pelé, o São Paulo de Telê Santana conquistou a dobradinha de títulos na Libertadores em 1992 e 1993. Em 1992, o Tricolor do Morumbi conquistou a sua primeira Libertadores contra o Newell’s Old Boys. No jogo de ida, o São Paulo perdeu por 1 a 0, já na volta devolveu o resultado levando a decisão para as penalidades, vencendo os argentinos. 

A decisão do bicampeonato foi contra a Universidad Católica. Ao contrário do aconteceu contra os argentinos, a final contra os chilenos foi mais “tranquila”. Logo no jogo de ida, o time do Telê venceu por 5 a 1 no Morumbi e perdeu no Chile por 2 a 0, conquistando o bi.